Como se sair bem no novo Enem?

Confira dicas de especialista para alcançar nota alta na avaliação deste ano.

Isis Nóbile Diniz |

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) mudou. Terá quase quatro vezes mais questões e, inclusive, substituirá vestibulares de universidades federais. Mas o momento não é para pânico. Ao contrário, é possível usar tanta novidade a favor do próprio objetivo.

Em 2008, o Enem era composto por 63 questões e uma redação. Este ano, ele terá 200 de múltipla escolha e uma redação. Será aplicado em dois dias. Além disso, universidades federais de todo o país o usarão como processo seletivo.

Ele realmente cumprirá sua finalidade. O Enem avaliará os colégios de ensino médio, acredita Fabricio Barbosa Bittencourt, professor de química da escola de cursos Getusp. Não há tempo e nem conhecimento da prova suficientes para colégios e cursinhos preparatórios repassarem o que, exatamente, será solicitado ao aluno.

O Enem pedia o conhecimento básico, principalmente, de interpretação de texto. Agora, ele será um pouco mais denso. Provavelmente, exigirá a resolução de problemas do dia-a-dia, porém com a aplicação do conhecimento apresentado na sala de aula, diz o professor.

Por exemplo, o aluno não precisa saber, aprofundadamente, matriz em matemática. Deve conseguir desenvolver raciocínio lógico. Em física, precisa entender as diferenças entre espelho, lente côncava e convexa. A prova não deve ser muito diferente do que era. Ela será dificultada. E, em 2010, acredito que exigirá mais conteúdo ensinado no colégio se comparada a deste ano, afirma.

O que pode ser uma vantagem. Quem estuda desde o ano passado para ingressar em universidade federal, pode se destacar dos alunos que terminam o terceiro ano do ensino médio em 2009. O candidato a voltar para a faculdade, também encontra uma chance maior se souber interpretar texto - as questões ¿ e aplicar o conhecimento básico do ensino médio.

Os alunos do segundo ano do ensino médio também deveriam fazer o teste. Primeiro, porque é uma maneira de se preparar para a prova no próximo ano. Além disso, o Enem vale por dois anos. Dessa forma, o aluno poderá optar pela nota mais alta, de 2009 ou 2010, para concorrer a uma vaga na universidade, explica.

Veja as dicas:

Temas. Assuntos abordados pela mídia ultimamente ¿ como energia, meio ambiente, corpo humano, seres vivos e geopolítica - podem ser exigidos nas interpretações de texto ou na redação;

Notícias. Ler revistas, jornais ou sites jornalísticos pode ajudar a argumentar na redação. Eu apostaria nas células-tronco como tema solicitado na redação e estudaria biologia e ética, conta Bittencourt;

Curso. É melhor se preparar para uma prova complexa, mesmo que o Enem deste ano não seja, diz o professor. Se optar por frequentar um curso preparatório, ele acredita que o ideal seria buscar um conceituado ou de confiança do aluno;

Rever. Para quem já estuda em cursinhos, Bittencourt sugere que seja revisto apenas o conteúdo do primeiro semestre;

Férias. Como o Enem será aplicado em agosto, julho é um mês estratégico. O candidato deve seguir uma rotina. Dormir e acordar cedo durante a semana. Também, estudar duas horas por dia no horário em que estaria no colégio. As demais horas podem ser de lazer. É como fazer academia. Se paramos um mês, o corpo dói quanto voltamos a nos exercitar, explica Bittencourt;

Interpretação. A base da prova deve continuar sendo a interpretação de texto, tabelas e gráficos. Vale treinar para o Enem;

Balada. É importante manter o ritmo das aulas. Balada, apenas no final de semana até a véspera da prova;

Sono. No mínimo, deve-se dormir oito horas por dia. Jamais deve-se automedicar com calmantes ou remédios para tal;

Alimentação. Beber muita água, comer de três em três horas e optar por alimentos mais saudáveis - como frutas e verduras - é importante;

Organização. Deve-se visitar o local onde será a prova para se adaptar ao ambiente e calcular o tempo de locomoção.

Leia mais sobre: Enem

    Leia tudo sobre: enemnovo vestibularvestibular

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG