O presidente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Carlos Alberto Aragão de Carvalho Filho, anunciou na última terça-feira (9) reajustes e ampliação no número de bolsas concedidas pelo instituto.

As bolsas de Iniciação Científica (IC) passaram de 29 para 43 mil, um incremento de 14 mil bolsas. As bolsas de Produtividade em Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico passarão das atuais 12 mil para mais de 14 mil, e em mestrado e doutorado, o CNPq fará mais 1.800 novas concessões.

O reajuste médio nos valores foi de 21%. A bolsa de pós-doutorado, por exemplo, passou de R$ 2.218,56 para R$ 3.200,00, um acréscimo de 44%. No entanto, nem todas as modalidades de bolsas tiveram seus valores reajustados. Segundo o presidente do CNPq, foram contempladas agora somente aquelas que não tiveram reajustes na última revisão dos valores, em 2008. Foram reajustadas as bolsas de Iniciação Científica, Apoio Técnico, Pós-Doutorado, Pós-Doutorado Sênior e Produtividade em Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico.

O CNPq concede atualmente 72 mil bolsas de estudos e espera crescer para 90 mil, incluindo todas as modalidades. Para conhecer todas as modalidades de bolsas do CNPq acesse o site do conselho .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.