Tamanho do texto

Valor está 134% acima do piso salarial nacional, que está fixado para este ano em R$ 2.455,35; tal anúncio foi feito pelo governador Flávio Dino

Salário inicial dos professores estaduais do Maranhão vai passar a ser de R$ 5.750, 134% acima do piso nacional
Elza Fiuza/Agência Brasil
Salário inicial dos professores estaduais do Maranhão vai passar a ser de R$ 5.750, 134% acima do piso nacional

Os professores da rede estadual de ensino do Maranhão já podem se sentir mais valorizados no ano de 2018 – pelo menos em comparação com os mesmos profissionais que trabalham em outros estados brasileiros.

Leia também: Disciplina sobre 'golpe de 2016' entra nos planos de 13 universidades públicas

Isso porque o governador Flávio Dino (PCdoB) informou, nessa semana, que assinou, na última terça-feira (27) uma medida que formaliza um aumento no salário dos professores estaduais do Maranhão .

Seguindo as orientações da medida, o salário inicial desses profissionais vai passar a ser de R$ 5.750, para aqueles que trabalham por 40 horas por semana.

"Acreditamos que esse grande investimento é fundamental para desenvolver o nosso Estado", disse o governador no Twitter, na última quarta-feira (28).

Com isso, o salário desses professores ultrapassará com largura o piso salarial nacional dos professores, fixado em R$ 2.455,35 para este ano.

O aumento no salário nacional do professores, determinado pelo Ministério da Educação, em dezembro do ano passado, já representa um reajuste de 6,81% em relação à quantia estabelecida para 2017.

Comparação com São Paulo

Não só a nível nacional o valor recebido mensalmente pelos professores maranhenses tem destaque. Afinal, a critério de comparação, é possível pontuar que o reajuste está muito acima do definido para um dos estados mais ricos do País: São Paulo.

Leia também: Photoshop desastrado em homenagem a estudante aprovado em vestibular vira piada

Para o estado paulista, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou, no início do ano, um reajuste de 7% no piso salarial de mais de 200 mil profissionais do magistério nas escolas estaduais.

Com o aumento, o salário base de um professor do ensino médio passou de R$ R$ 2.415,89 para R$ 2.585,00 – 5,2% acima do piso nacional.

O salário-base dos professores paulistas é acrescido de benefícios, de acordo com as faixas e níveis da carreira, quinquênio, além de bônus por merecimento, pago anualmente de acordo com avanço do ensino nas escolas estaduais.

Além do aumento do salário, o governador assinou um decreto que acresce em 50% o valor do auxílio alimentação dos servidores públicos que ganham até R$ 3.777,90. Com o aumento, o benefício passa de R$ 8 para R$ 12.

Leia também: ProUni 2018 divulga lista de aprovados na segunda chamada

O governador do Maranhão não definiu quais serão os benefícios acrescidos ao salário dos professores estaduais locais. Porém, mesmo com os benefícios dos paulistas, o salário não se compara ao oferecido aos maranhenses neste ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.