Para concorrer às vagas, os candidatos devem não ter sido selecionados na chamada regular da segunda edição do Sisu deste ano; entenda o processo

Para participar, os candidatos devem acessar a página do Sisu na internet até esta segunda-feira (19)
shutterstock/Reprodução
Para participar, os candidatos devem acessar a página do Sisu na internet até esta segunda-feira (19)

Os candidatos à segunda edição deste ano do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) têm até esta segunda-feira (19) para se inscreverem na lista de espera. A convocação dos aprovados nesta edição está prevista para a próxima segunda, dia 26.

Leia também: MEC libera lista de aprovados no Sisu e abre inscrições da lista de espera

Desta edição, podem participar os candidatos que não foram selecionados na chamada regular ou que foram aprovados somente para a segunda opção de curso, tendo ou não se matriculado. Para participar, basta acessar a página do Sisu na internet.

Além disso, é necessário ter em mãos os número de inscrição e a senha da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio ( Enem ), aplicada em 2016. A lista de espera do sistema é restrita à primeira opção de vaga do candidato.

Depois de concluir a manifestação de interesse na vaga, o candidato receberá uma mensagem de confirmação. 

Leia também: Mais de 600 mil candidatos tiveram problemas de acesso à inscrição do Sisu

A fase da convocação dos selecionados para a matrícula cabe às próprias instituições de educação superior. Por isso, é imprescindível que os participantes acompanhem as convocações feitas pelas instituições.

Nota do Enem 2016

O sistema, que é oferecido pelo Ministério da Educação, oferece vagas no ensino superior público com base na nota do Enem. 

Ao todo, serão ofertadas 51.913 vagas em 1.462 cursos de 63 instituições de ensino, entre universidades federais e estaduais, institutos federais e instituições estaduais.

Em tal processo, está valendo a nota do Enem 2016. Para participar, os candidatos não podem ter tirado 0 na redação do exame aplicado no ano passado. Além disso, algumas instituições estabelecem notas mínimas para ingresso em determinados cursos. No ano passado, mais de 6 milhões fizeram o Enem.

De acordo com o último balanço divulgado pelo Ministério da Educação , ao menos 800 mil estudantes de todo o Brasil se inscreveram  para as vagas oferecidas pelo Sisu. Como cada candidato tem direito a escolher, por ordem de preferência, até duas opções de cursos, foram registradas mais de 1,5 milhão de inscrições.

Leia também: MEC abre vagas para escolas interessadas em aderir ao ensino em tempo integral

* Com informações da Agência Brasil.

    Leia tudo sobre: enem
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.