Enem: inscrições podem ser feitas a partir desta segunda-feira

Por iG São Paulo

compartilhe

Tamanho do texto

Inscrições custam R$ 63 e poderão ser feitas pela internet a partir de segunda-feira (25), por meio do site do Inep

As inscrições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) vão ocorrer entre às 10h desta segunda-feira (25) e às 23h59 de 5 de junho. Para quem não conseguir isenção, a inscrição só será concretizada após o pagamento da taxa de R$ 63 até as 21h59 do dia 10 de junho.

As provas serão realizadas nos dias 24 e 25 de outubro. 

O primeiro dia de prova será voltado para as ciências humanas e da natureza, enquanto, o segundo, a linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática. Os portões se abrem em ambas as datas às 12h e se fecham às 13h.

Veja também:

Travestis e transexuais poderão usar o nome social no Enem 2015

Isento que faltar à prova terá de pagar taxa na próxima inscrição

Enem descarta Correios e cobra e-mail de todos os candidatos

As provas estão marcadas para terem início às 13h30. No total, os alunos terão prazo máximo de 4h30 para encerrar os testes no primeiro dia e de 5h30 no segundo. 

A nota do exame pode ser usada para participar de programas como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que disponibiliza vagas no ensino superior público; o Programa Universidade para Todos (ProUni), que oferece bolsas em instituições privadas; e o Sistema de Seleção Unificada do Ensino Técnico e Profissional (Sisutec), que garante vagas gratuitas em cursos técnicos.

O Enem também é pré-requisito para firmar contratos pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), obter bolsas de intercâmbio pelo Programa Ciência sem Fronteiras e certificação do ensino médio.

Estudante isento da taxa de inscrição

O estudante isento de taxa do Enem que faltar ao exame terá de pagar para fazer a prova numa próxima vez. A nova regra entrou em vigor nessa sexta-feira (15).

O objetivo da pasta é reduzir o número de abstenções na prova, de 29%. Na edição de 2014, a maioria dos estudantes que faltaram - 1,6 milhão de um total de 2,5 milhões - tinham direito à isenção da taxa, de acordo com o governo federal.

O ministro da Educação, Renato Janine (esquerda) e o presidente do Inep, Chico Soares, anunciam regras para o Enem 2015
Isabelle Araújo/MEC - 14.5.15
O ministro da Educação, Renato Janine (esquerda) e o presidente do Inep, Chico Soares, anunciam regras para o Enem 2015


Tudo sobre o Enem 2015 

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é a principal porta de entrada para universidades particulares e públicas. Em 2014, 8,7 milhões de estudantes se inscreveram no exame. Para entender quais os usos do exame e se preparar para a prova, o iGconvidou Alessandra Venturi, coordenadora pedagógica do cursinho da Poli, para tirar as principais dúvidas sobre o Enem.

Alessandra explica que o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), responsável pelo exame, ainda não divulgou o edital com informações como o prazo de inscrições, o preço e data das provas, mas o calendário deve ser publicado em breve. A professora explica ainda para que serve o exame e quem deve fazê-lo. 

Mais sobre o Enem

Tempo: Candidatos têm 3 minutos por questão do Enem
Teste-se: Faça o simulado do Enem
Estudo: Interpretação de texto, geometria... Veja os assuntos mais cobrados do Enem 
Texto: Vai fazer Enem? Veja dicas e orientações para escrever uma boa redação
Guia de estudos: Professores dão dicas de estudo para o Enem 2015
Online: 10 ferramentas gratuitas para estudar para o Enem
Seleção: Você sabe o que é o Sisu? Entenda

Veja na galeria os temas que já foram cobrados na redação do Enem

Publicidade infantil foi o tema pedido pela redação do Enem em 2014. Foto: BBC BrasilO Enem de 2013 pedia que o candidato escrevesse uma redação sobre os efeitos da Lei Seca no Brasil. Foto: Futura PressMovimento imigratório para o Brasil no século 21 foi o tema da redação no exame de 2012. A prova fazia referência à entrada de bolivianos e haitianos no País Na foto, abrigo de refugiados. Foto: João Fellet/BBC Brasil"Viver em rede no século 21: os limites entre o público e o privado" foi o tema da redação no Enem 2011. Foto: Agência EBC/DivulgaçãoEm 2010, o Enem trouxe textos sobre trabalho escravo e propôs uma redação sobre "O trabalho na Construção da Dignidade Humana". Foto: Congresso em FocoEm 2009, o tema de redação foi "O indivíduo frente à ética nacional". Dois dos textos de apoio falavam sobre o tema da corrupção. Na foto, tour da corrupção. Foto: Jan HrdyEm 2008, o tema da redação do Enem foi o desmatamento na floresta amazônica. Foto: Agência BrasilEm 2007, o exame pediu para que os estudantes discutissem o desafio de se conviver com as diferenças. Foto: Leia JáEm 2006, o Enem trouxe uma coletânea de textos sobre a importância de ler e pedia uma redação sobre "O poder de transformação da leitura". Foto: Divulgação/EMEF Amorim LimaO tema da redação no Enem 2005 foi o trabalho infantil. Foto: AFPA redação do Enem de 2004 perguntava "como garantir a liberdade de informação e evitar abusos nos meios de comunicação?" Na foto, protesto contra a censura em 1968 . Foto: Arquivo Agência Estado


Leia tudo sobre: eneminscrições

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas