Professores em greve protestam e bloqueiam Via Anchieta em São Paulo

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

A manifestação durou cerca de 40 minutos na manhã desta quarta-feira (13). A categoria está em greve há dois meses

Agência Brasil

Professores estaduais bloquearam a Via Anchieta, que liga a capital paulista ao litoral, durante 40 minutos na manhã de hoje (13). A categoria está em greve há dois meses, com a principal reivindicação de aumento salarial de 75,33%.

Segundo a concessionária Ecovias, o protesto reuniu 40 pessoas das 6h20 às 7h, causando a interdição do trânsito no sentido litoral, próximo à chegada a Santos. Às 7h30, a estrada ainda registrava 2 quilômetros de lentidão, como reflexo da manifestação, a partir da altura do quilômetro 65, no sentido Santos.

Leia também:

Governador do PR diz sofrer por violência e pede para servidores virarem página

Professores estaduais de SP bloqueiam pista da Marginal do rio Pinheiros

Veja imagens  da greve de professores estaduais no Paraná

Professores protestam contra violência policial em Curitiba (5.5.20150. Foto: Wilson Dias/Agência BrasilNesta terça-feira (5), professores do Paraná fazem nova manifestação em Curitiba (5.5.2015). Foto: Reprodução/FacebookProfessores do Paraná fazem caminhada em protesto nesta terça-feira (5.5.2015). Foto: Reprodução/Facebook APP SindicatoProfessores protestam contra violência policial em Curitiba (5.5.20150. Foto: Wilson Dias/Agência BrasilProfessores da Bahia publicam foto em luto pela educação após repressão de protesto de professores do Paraná (4.5.2015). Foto: Reprodução/FacebookProfessores de Teresina (PI) publicam foto em luto pela educação após repressão de protesto de professores do Paraná (4.5.2015). Foto: Reprodução/FacebookProfessores de Salto Do Jacuí (RS) publicam foto em luto pela educação após repressão de protesto de professores do Paraná (4.5.2015). Foto: Reprodução/FacebookProfessor fica ferido em confronto com policia. Foto: SMSC/29.04.15Feridos foram levados a hospitais da região, que ficaram lotados. Foto: SMSC/29.04.15Policiais usaram balas de borracha para conter manifestantes. Foto: SMSC/29.04.15Mais de 100 pessoas ficaram feridas. Foto: SMSC/29.04.15Professores do Paraná e PM entram em confronto no centro de Curitiba (29.4.2015). Foto: Divulgação/APP SindicatoPolícia usou bombas de gás, balas de borracha e jatos de água para dispersar manifestantes. Foto: SMSC/29.04.15PM usou bombas de gás lacrimogênio durante protesto de professores do Paraná (28.4.2015). Foto: Divulgação/APPPM usou bombas de gás lacrimogênio durante protesto de professores do Paraná (28.4.2015). Foto: Divulgação/APP SindicatoProfessores estaduais e PM entram em confronto no centro de Curitiba (29.4.2015). Foto: Divulgação/APP SindicatoApós confronto com PM, professores mantiveram acampamento em frente à Assembleia Legislativa (28.4.2015). Foto: Divulgação/APP SindicatoEm greve, professores do Paraná passam noite em frente à Assembleia Legislativa´(29.4.2015). Foto: Divulgação/APP Sindicato

Os professores da rede estadual de ensino vão se reunir hoje, às 9h, com o secretário estadual da educação, Herman Jacobus Cornelis Voorwald, sem intermediação do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP). A categoria fez uma única audiência na última quinta-feira (7) que terminou sem acordo.

Leia tudo sobre: greveprofessoresanchietaSão PauloiGSP

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas