Retrospectiva 2014: veja fraudes descobertas em vestibulares e vazamento do Enem

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Neste ano, membros de quadrilhas que passavam o gabarito para candidatos a vestibular de medicina foram presos; candidatos chegavam a pagar R$ 200 mil em esquema

Com mais de 6,2 milhões de candidatos inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio 2014 (Enem) em 1,7 mil municípios, as provas usadas para a seleção de alunos de universidades públicas e privadas de todo o País têm sido alvo de quadrilhas especializadas em fraudes de vestibular. 

Em 2014, a Polícia Federal descobriu dois esquemas de fraude nas provas do exame. No Ceará, dois candidatos foram presos ao serem pegos com o gabarito no celular.

Em Minas Gerais, mais de 30 pessoas foram presas por participarem de um esquema em que bacharéis faziam as provas e passavam os gabaritos por ponto eletrônico para os candidatos. Alunos chegavam a pagar R$ 200 mil para conseguir uma vaga em curso de medicina.

Além disso, a PF apura o vazamento do tema de redação do Enem 2014 no Piauí, onde um candidato recebeu a foto da prova cerca de uma hora antes de seu início em um grupo de WhatsApp.

Confira na galeria esses e outros casos de fraude em vestibulares

Em novembro, 11 integrantes de uma quadrilha e 22 candidatos foram presos em Minas Gerais por fraude em vestibulares de medicina e no Enem. Alunos pagavam até R$ 200 mil. Foto: Divulgação/André Lana/MPMGA quadrilha de Minas Gerais usava um aparelho com GSM disfarçado de cartão crédito como celular para receber as informações e transmitir ao ponto eletrônico dos alunos. Foto: Divulgação/André Lana/MPMGUm candidato do Piauí denunciou à PF ter recebido o tema da redação do Enem antes da prova pelo WhatsApp. Alunos do Ceará afirmaram também ter recebido a foto. Foto: Reprodução/FacebookA perícia da Polícia Federal confirmou o vazamento da imagem com o tema da redação do Enem 2014. Ainda não se sabe de onde veio a foto e quantas pessoas receberam. Foto: Agência BrasilDurante o Enem 2014, dois candidatos foram presos em Juazeiro do Norte (CE) com o gabarito do primeiro dia do exame no celular. A PF prendeu outras 4 pessoas suspeitas. Foto: Tomaz Silva/Agência BrasilEm Uberaba (MG), sete candidatos foram presos suspeitos de tentativa de fraude no vestibular de medicina da Uniube. Os estudantes teriam pagado R$ 10 mil. Foto: DivulgaçãoEm Ribeirão Preto, 11 suspeitos foram presos em agosto por fraude no vestibular de medicina da Uniseb. De acordo com a PM, 7 estudantes teriam pagado R$ 60 mil por vaga. Foto: Divulgação/UnisebDois professores e um candidato foram presos no Maranhão após fraudarem o vestibular de medicina do Uniceuma. O candidato pagou R$ 50 mil aos professores pelo gabarito. Foto: Wikimedia Commons
















Leia tudo sobre: enem 2014vestibularensino superior

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas