Candidatos não selecionados no ProUni podem aderir à lista de espera

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Podem integrar a lista aqueles estudantes que não foram selecionados em nenhuma das chamadas anteriores

Agência Brasil

Os candidatos que não foram selecionados nas duas chamadas do Programa Universidade para Todos (ProUni) podem aderir à lista de espera nesta segunda-feira (21) e terça (22), para concorrer às bolsas não preenchidas nas chamadas regulares. Para isso, basta acessar a página doProUni na internet e confirmar a participação.

Veja também:
Justiça autoriza aluno de universidade pública a acumular bolsa do Prouni
Estudantes estrangeiros poderão ser incluídos como bolsistas integrais do ProUni

Podem integrar a lista para a primeira opção de curso feita na hora da inscrição aqueles que não foram selecionados em nenhuma das chamadas anteriores ou foram pré-selecionados na segunda opção de curso, mas não foram formadas turmas.

Candidatos que foram pré-selecionados na primeira opção de curso, mas não foi formada turma, podem integrar a lista de espera para a segunda opção de curso feita na inscrição.

Todos os candidatos participantes da lista de espera deverão comparecer, entre os dias 29 e 30 de julho, às respectivas instituições e entregar a documentação para comprovação das informações prestadas na inscrição.

Acompanhe mais notícias no canal iG Educação
Siga o iG Educação pelo Twitter
Fique por dentro de outras notícias pelo facebook do InfoEscola

O ProUni oferece bolsa de estudo integral ou parcial (50% da mensalidade) em instituições particulares de educação superior. O estudante precisa comprovar renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio para a bolsa integral e de até três salários mínimos para a bolsa parcial. Esta edição do programa ofereceu 115.101 bolsas e teve 653.992 inscritos.

Leia tudo sobre: ProUniMECVestibular

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas