Inep divulga melhores horários para se inscrever no Enem

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo balanço do Inep, foram feitas 653 mil inscrições nas primeiras 24 horas; inscrições se encerram no dia 23 de maio

Agência Brasil

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou, pelo Twitter, os melhores horários para se inscrever no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Segundo a autarquia, o acesso é mais fácil até as 9h da manhã, entre as 14h e as 17h e após as 21h.

Nesses horários, há menos acessos e mais facilidade em usar o sistema. O período de inscrição começou ontem (12) e vai até o dia 23 de maio pela internet. Segundo o último balanço do Inep, foram feitas 653 mil inscrições nas primeiras 24 horas.

Também pelo Twitter, os candidatos reclamaram do congestionamento do site. Uma usuária escreveu: "2ª tentativa de inscrição no site do Enem e, como tudo no Brasil, não funcionou". "Aliás, não tem que haver melhores horários, e sim um sistema que atenda a demanda sempre!", reforçou. Outro reclamou: "Nossa, cada vez mais complicado se inscrever no #Enem2014. Finalizar a Inscrição é como um pulo no escuro. Paciência!".

Por meio da assessoria de imprensa, o Inep afirmou que o sistema está operando dentro da normalidade, com capacidade de 200 mil acessos simultâneos, e orientou os candidatos a continuarem tentando. De acordo com o instituto, casos de candidatos que não conseguem concluir a inscrição são pontuais.

Confira movimentação do Enem no ano passado:

Cadeirante Renato Sales usaria o Enem para acumular pontos para o vestibular de medicina. Foto: Maria Fernanda Ziegler/ iG São PauloDaniela e Deise enfrentaram trânsito, mas confessam que saíram "em cima da hora". Foto: Maria Fernanda Ziegler/ iG São PauloCandidata ao Enem recebe apoio de namorado antes de prestar prova na Federal do Paraná, em Curitiba (PR). Foto: Vagner Rosario/Futura PressAbertura dos portões do Centro Educacional de Tempo Integral Áurea Pinheiro Braga, em Manaus (AM). Foto: Edmar Barros/Futura PressPortões foram abertos às 12h (horário de Brasília) para os candidatos da Universidade Católica, de Recife (PE). Foto:  Anderson Stevens/Futura PressOs amigos Caio Fernandes, de 15, e Júlia Nevado, de 17, minutos antes da segunda prova. Foto: Maria Fernanda Ziegler / iGEstudantes entram para o segundo dia de prova do Enem 2013, na UERJ, do Rio. Foto: Ale Silva/Futura PressEstudantes chegam para o segundo dia de prova na UERJ, no Rio de Janeiro. Foto: Ale Silva/Futura PressEstudantes chegam para o segundo dia de prova na UERJ, no Rio de Janeiro. Foto: Ale Silva/Futura PressEstudantes chegam para o segundo dia de prova na UERJ, no Rio de Janeiro. Foto: Ale Silva/Futura PressFiscais aguardam entrada para o segundo dia de provas na UERJ, no Rio (27/10). Foto: Ale Silva/Futura PressPrimeiro dia: estudante chegou atrasada para a prova e passou mal ao se deparar com os portões fechados em Guarulhos, na Grande SP. Foto: Futura PressPrimeiro dia: Alunos chegaram atrasados ao Enem neste sábado; portões fecharam às 13h. Foto: Futura PressPrimeiro dia: Alunos chegaram atrasados ao Enem neste sábado; portões fecharam às 13h. Foto: Futura PressAlunos chegaram atrasados ao Enem neste sábado; portões fecharam às 13h. Foto: Futura PressAlunos chegaram atrasados ao Enem neste sábado; portões fecharam às 13h. Foto: Futura PressTeve tumulto na Universidade Paulista (Unip) da Barra Funda durante o fechamento dos portões. Foto: Futura PressDouglas dos Santos não foi liberado do trabalho a tempo de chegar no Enem. Foto: Agência BrasilDominique estudou a madrugada toda e depois perdeu a hora para o exame. Foto: Agencia Brasil/reproduçãoCandidata Elisa Dias, de 19 anos, chegou 10 minutos antes do fechamento dos portões, em São Paulo. Foto: Maria Fernanda Ziegler/ iG São PauloMovimento de estudantes após abertura dos portões da UERJ, no campus Francisco Negrão de Lima, no Rio. Foto: Futura PressMovimento de estudantes durante a abertura dos portões da Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP). Foto: Anderson Stevens/Futura PressAbertura dos portões na unidade Vergueiro da Unip, em São Paulo, neste sábado. Foto: Futura PressEstudantes exibem inscrição para o Enem antes da prova na cidade de São José, em Santa Catarina. Foto: Futura PressJovens Karina Alix e Karina Balega saíram de casa bem mais cedo para evitar atrasos neste sábado. Foto: Julia Carolina / iG São PauloFamília da Gabriela Curado, candidata ao Enem, irá aguardar do lado de fora da Faculdade Uninove, na Barra Funda, em SP. Foto: Maria Fernanda Ziegler/ iG São PauloMovimento de estudantes antes da prova do primeiro dia do Enem, na UERJ, campus Francisco Negrão de Lima, no Rio. Foto: Futura PressMovimento de estudantes antes da prova do primeiro dia do Enem, na UERJ, campus Francisco Negrão de Lima, no Rio. Foto: Futura PressProfessor de matemática, Marcio Barbosa, dá dicas de matemática para os estudantes na UFRJ, no Rio. Foto: Futura Press

Novidades

O Enem deste ano será feito com algumas novidades. Travestis e transexuais poderão ser identificados pelo nome social nos dias e locais de realização das provas. Para isso, é preciso fazer o pedido pelo telefone 0800-616161, também até o dia 23. Já para evitar ausências, o Inep vai enviar uma mensagem aos inscritos no ano passado que não fizeram a prova. Eles serão alertados de que deixar de fazer o exame gera desperdício de recursos públicos.

O Enem é destinado a estudantes que tenham terminado ou estejam concluindo o ensino médio, pessoas com mais de 18 anos que busquem o comprovante de conclusão do ensino médio e aquelas que queiram testar conhecimentos. O exame será realizado nos dias 8 e 9 de novembro. O valor da inscrição é R$ 35. Estudantes da rede pública e pessoas com renda familiar até 1,5 salário mínimo são considerados isentos. A taxa deve ser paga até o dia 28 de maio.

A nota do exame é utilizada como critério para acesso ao ensino superior por meio do Sistema de Seleção Unificada, que oferece vagas em instituições públicas de educação superior, e do Programa Universidade para Todos.

A participação na prova também é requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil, participar do Programa Ciência sem Fronteiras ou ingressar em vagas gratuitas dos cursos técnicos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica. Estudantes maiores de 18 anos podem obter a certificação do ensino médio por meio do Enem.

Leia tudo sobre: enem 2014inscriçõesenem

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas