Universidade de Brasília reduz de 20% para 5% reserva de vagas para negros

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Atualmente, dos 35.785 alunos matriculados na instituição, 3.401 ingressaram pela política de cotas raciais

A Universidade de Brasília (UnB) decidiu nesta quinta (3) manter o sistema de cotas para negros mas com um porcentual menor de reserva de vagas. No próximo vestibular, a UnB reservará 27% das vagas para alunos de escolas públicas (cotas sociais) e 5% para estudantes negros. Até o último vestibular, eram reservadas 20% das vagas para negros. Atualmente, dos 35.785 alunos da universidade, 3.401 ingressaram pela política de cotas raciais. O edital deverá ser divulgado na semana que vem.

A UnB foi pioneira na política de cota, criada em 2003. O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) da universidade votou pela manutenção do sistema. Foram 7 votos apenas pelas cotas sociais e 32 pela manutenção das cotas raciais.

* Com Agência Brasil

Leia tudo sobre: cotanegrosUNB

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas