Rio terá quatro escolas públicas bilíngues até 2014

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Instituições geridas em parceria com entidades internacionais e governos de outros países terão aulas em mandarim, francês, espanhol e inglês

Agência Brasil

A rede estadual do Rio de Janeiro terá quatro escolas bilíngues até fevereiro do ano que vem. Segundo a Secretaria Estadual de Educação, a primeira escola a ser inaugurada, já no segundo semestre deste ano, terá ensino em português e mandarim (chinês). Mais três escolas, que terão aulas em francês, espanhol e inglês, serão abertas até fevereiro.

Nas universidades: Instituições brasileiras criam cursos em inglês

As escolas serão geridas em parceria com entidades internacionais e governos de outros países. Nesta segunda-feira (10) foram assinados convênios com o Instituto Confúcio da China, o Ministério da Cultura e Esporte da Espanha, o Consulado-Geral da França no Rio e o governo do condado de Prince George, no estado de Maryland, nos Estados Unidos.

Também foram firmados convênios com parceiros para o ensino de gastronomia, audiovisual e biotecnologia nas escolas estaduais. Segundo o secretário estadual de Educação, Wilson Risolia, inicialmente dez escolas serão beneficiadas com os acordos, mas a ideia é levar a proposta a todas as unidades da rede estadual.

Chinês: Profissionais voltam à sala de aula para aprender mandarim

“É uma meta muito ousada, porque são 1.350 escolas. [Fazer isso] passa pela infraestrutura e preparo de laboratórios dependendo de cada curso e escolas bilíngues. A escola bilíngue chinesa começa a funcionar no segundo semestre como projeto piloto. Já as de francês, inglês e espanhol serão inauguradas para o inicio das aulas em fevereiro”, disse Risolia.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas