Diretora suborna alunos para receber bonificação em escola do Rio

Dinheiro era para estimular jovens a fazer provas do Sistema de Avaliação do Estado. Professora responde a sindicância e poderá ser demitida.

O Dia |

Acusada de subornar alunos, Sirlene da Cruz Figueira foi exonerada da direção do Ciep Luiz Carlos Veroneze, em Friburgo. O dinheiro era para estimular os jovens a fazer provas do Saerj, Sistema de Avaliação do Estado. A participação de estudantes é um dos critérios usados pelo governo para pagar bônus aos funcionários de escolas que atingem metas.

Leia também: Após violação de malote, Saerj remarca nova avaliação 

Vídeos que registram conversas da diretora com alunos foram colocados na Internet no dia 17. A Secretaria de Educação diz que Sirlene confirmou a história. Num dos vídeos, um jovem pergunta: “Terminou, você vai dar o dinheiro?” e “Noventinha, diretora”? Em outra cena, ela diz que a divisão deve ser feita na casa dos estudantes. A professora responde a sindicância e poderá ser demitida.

Veja os vídeos abaixo:



    Leia tudo sobre: bonificaçãofriburgosaerjsuborno

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG