A decisão, do Conselho Nacional de Educação, foi publicada no Diário Oficial da União nesta segunda-feira, 12

Agência Brasil

Escolas para brasileiros no Japão e reconhecidas pelo Brasil receberam permissão para oferecer cursos técnicos de nível médio. A decisão, do Conselho Nacional de Educação, foi publicada no Diário Oficial da União nesta segunda-feira, 12. Com esta resolução, aumenta a oferta de serviços prestados por essas escolas, que já podiam atuar na educação infantil, fundamental, média e de jovens e adultos.

Leia mais:  Estudantes da Unicamp protestam contra Cremesp

Também foi definido que as instituições deverão incluir em sua grade curricular aulas de língua e cultura japonesa, caso contrário não poderão mais funcionar.

Para terem seus certificados reconhecidos no Brasil, as escolas devem ser cadastradas no censo escolar do Ministério da Educação (MEC) e na embaixada brasileira no Japão, além de fornecer uma série de informações, como o corpo docente, o regimento escolar e a descrição das instalações físicas disponíveis.

Veja também:  Universidades brasileiras pedem doações a ex-alunos

O MEC valida certificados de escolas brasileiras no Japão desde 2005, e o governo brasileiro conseguiu que o Japão flexibilizasse seu sistema de reconhecimento, o que permitiu que três escolas fossem também reconhecidas pelo país. Em 2007, mais de 50 escolas foram reconhecidas pelo Conselho Nacional de Educação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.