Colégio Etapa questiona ação publicitária do Objetivo

Uso da média do Enem em propaganda é alvo de polêmica entre escolas de elite em São Paulo

iG São Paulo |

Incomodada com uma ação publicitária do Colégio Objetivo, a direção do Colégio Etapa espalhou cartazes em suas duas unidades para esclarecer a seus alunos o que considera um embuste do concorrente. O texto do cartaz acusa o Objetivo de ter criado uma escola, o Colégio Integrado, com os seus melhores alunos para alavancar a nota do Enem e associar o desempenho dessa unidade com todo o sistema Objetivo em comerciais na TV e em veículos impressos. O Colégio Integrado é o 1º colocado em São Paulo e 3ª no País no Enem 2010.

Veja o ranking do Enem em 2010

“Qualquer colégio que tenha um bom desempenho poderia facilmente destacar uma turma pra ficar lá em cima do Enem. É uma atitude que tem uma intenção óbvia. É uma solução pra ganhar um destaque”, diz Edmilson Motta, coordenador geral do Colégio Etapa.

No comunicado aos alunos, intitulado “A transmutação do 1056º em 1º lugar do Enem” (disponível no perfil do facebook do colégio , a direção do Etapa calculou o que para eles é a verdadeira nota das escolas do Objetivo. Traçando a média no Enem de todas as 10 escolas paulistanas da rede o resultado foi de 643,23, o que os colocaria no 1056º lugar nacional, de acordo com o ranking oficial.

A propaganda

Em um dos folhetos da ação publicitária do Objetivo, disponível no site: www.portalobjetivo.com.br/noticias.asp?id=3781 , a frase “Sistema Objetivo 1º Lugar no Enem” é destacada no topo do anúncio. Logo abaixo, dentro de um mapa do Brasil, aparece: “Colégio Objetivo Integrado 1º lugar no Enem; Em toda a capital de São Paulo; Em todo o estado paulista; nas provas das quatro áreas do conhecimento, em todo o Brasil”. Na parte inferior, foi reproduzido um ranking com as notas das 20 melhores escolas da cidade de São Paulo (entre elas o Etapa, na 7ª posição) no qual o Objetivo Integrado aparece em primeiro.

Questionado sobre a reclamação do Etapa, o fundador e presidente do Objetivo, João Carlos Di Gênio, disse não entender o porquê de tanto nervosismo e negou ter usado o Objetivo Integrado para aumentar a nota do Enem. Segundo ele, o colégio nasceu da necessidade de bons alunos da unidade da Avenida Paulista que queriam aulas em tempo integral. “Temos muitos alunos ali que treinam para olimpíadas de física e matemática. Esses alunos começaram a pedir um colégio integral. Foi assim, eles pediram e a gente montou. Não foi pensando nisso [no Enem]”, diz o presidente.

Di Gênio ainda afirma ter feito uma homenagem aos melhores colégios de São Paulo publicando o ranking divulgado no jornal Folha de S. Paulo. “Publiquei os 20 melhores para mostrar pros pais que qualquer um desses colégios é muito bom. As notas de todos estão lá e são muito próximas”.

As notas do Enem por escola de 2011 serão divulgadas no dia 26 de novembro.

    Leia tudo sobre: ObjetivoEtapaRankingEnem

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG