Assembleia realizada na tarde de hoje contou com a participação de 600 docentes

Professores da UFRJ em assembleia na tarde de hoje
Divulgação
Professores da UFRJ em assembleia na tarde de hoje

Em assembleia realizada na tarde desta sexta-feira (17), os professores da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) decidiram manter a paralisação das atividades.

Leia também : Professores da Faculdade de História da UFRJ decidem voltar mas alunos não deixam

Quase 600 docentes participaram e decidiram continuar pressionando o governo pela reabertura das negociações.

Setores que tinham posição refratária à greve estiveram presentes à assembleia e, em disputa democrática, reconheceram a legitimidade do movimento. Foram 283 votos favoráveis à manutenção da greve contra 253 contrários.

"Esta assembleia mostra, mais uma vez, ser o espaço legítimo para deliberar sobre os rumos da da greve. Como das outras vezes, isto foi realizado de forma democrática. É uma decisão firme e que representa a vontade da maioria do corpo docente da UFRJ", frisou o professor Mauro Iasi, presidente da Associação de Docentes da UFRJ (Adufrj), destacando que o desejo da classe é encerrar o mais rápido possível este impasse.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.