Professores da UFRJ decidem manter a greve

Docentes marcaram nova reunião para o dia 10 mas podem antecipar se negociações em Brasília avançarem

iG Rio de Janeiro |

Em assembleia realizada na tarde desta sexta-feira (3), os professores da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) decidiram manter a greve.

Na reunião, os funcionários referendaram o posicionamento de que o Andes-SN não deve assinar o acordo promovido entre o governo e entidade Profiles no dia 1º. A próxima assembleia está marcada para o dia 10 mas pode ser antecipada se houver novidades no processo de negociação com Brasília.

"O governo adotou uma postura arrogante e desrespeitosa com a categoria ao querer assinar um acordo com uma entidade (Proifes) praticamente insignificante frente à maioria da categoria. Agora reforçaremos nossas manifestações para que o governo reabra novamente as negociações. Nosso desejo é dar fim a este impasse o mais rápido possível", apontou Mauro Iasi, presidente da Associação dos Docentes.


    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG