Confira o ranking de faculdades por aprovação no 6º exame da OAB

Índices de aprovação cresceram em relação a prova anterior. Federais e públicas seguem dominando o topo

iG São Paulo |

O ranking do 6º Exame de Ordem Unificado aponta uma melhora geral nos índices de aprovação das faculdades de Direito. A primeira colocada, Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), aprovou 86,27% de seus alunos que se inscreveram na prova. No exame anterior, a primeira colocada, a Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) havia atingido 80,60% e no 4º Exame, a Fundação Universidade Federal de Viçosa (UFV), que ficou em primeiro lugar, alcançou 77,50% de aprovação.

A melhora também aparece na outra ponta do ranking. Das 903 faculdades que tiveram mais de 20 inscritos no exame, 49 tiveram aprovação inferior a 10%. Na edição anterior, 77 instituições nestas condições não atingiram a marca de 10% de aprovação.

No ranking do 6º Exame de Ordem, nenhuma instituição teve aprovação zero. Isso aconteceu porque nesta edição a OAB não incluiu nas estatísticas instituições com menos de 20 inscritos, para não distorcer os dados. No 5º Exame de Ordem, oito tiveram aprovação zero, mas com menos de 20 inscritos na prova.

Entre as 50 melhores colocadas, apenas nove são particulares – desempenho melhor do que no 5º exame, quando sete ficaram neste grupo. A instituição privada mais bem colocada é a Escola de Direito do Rio de Janeiro (FGV), em 10º lugar. Na edição anterior, a particular mais bem posicionada ficou em 33º, a Faculdades Integradas de Vitória (FDV). Entre as 41 públicas do top 50, 28 são federais.

O 6º Exame de Ordem Unificado teve um índice de aprovação recorde desde a unificação da avaliação da OAB, 25,41% – 25.912 dos 101.936 inscritos em todo o País foram aprovados.

Confira os resultados abaixo (as instituições que tiveram menos de 20 inscritos não aparecem no ranking):

    Leia tudo sobre: Exame de ordemOAB

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG