Saiba mais sobre acidentes de avião que mataram esportistas

Boxeador Rocky Marciano, piloto José Carlos Pace e times de futebol inteiros estão entre as vítimas de desastres aéreos

Luísa Pécora, iG São Paulo |

Getty Images
José Carlos Pace, em foto de 1976
Seleção de futebol da Zâmbia
Data do acidente:
27/04/1993
Local do acidente: Libreville, Gabão
Total de mortos: todos os 30 a bordo
Descrição do acidente: avião militar com a seleção fazia a rota Lusaka, na Zâmbia, para Dacar, no Senegal, onde seria disputada uma eliminatória da Copa do Mundo. Após escala em Libreville, no Gabão, um dos motores pegou fogo e o avião caiu no Oceano Atlântico. Entre as vítimas, 18 eram jogadores.

José Carlos Pace, piloto de Fórmula 1
Nacionalidade:
brasileira
Idade: 32 anos
Data do acidente: 19/03/1977
Local do acidente: Mairiporã, São Paulo
Total de mortos: todos os 3 a bordo
Descrição do acidente: Pace voava em direção a Araraquara ao lado do colega de automobilismo Marivaldo Fernandes e do amigo Carlos Roberto de Oliveira, que pilotava o monomotor. Pouco depois da decolagem no Aeroporto Campo de Marte, em São Paulo, o avião bateu em uma árvore em meio à forte tempestade. Em 1985, o nome do Autódromo de Interlagos foi alterado para Autódromo José Carlos Pace, em sua homenagem.

Seleção de esgrima de Cuba
Data do acidente:
06/10/1976
Local do acidente: Bridgetown, Barbados
Total de mortos: todos os 73 a bordo
Descrição do acidente: os 24 integrantes da equipe voltavam de Bridgetown para Havana após participar do Campeonato de Esgrima da América Central e do Caribe. Nove minutos após a decolagem, duas bombas explodiram e o avião caiu no mar caribenho. Quatro venezuelanos que faziam oposição ao então presidente cubano, Fidel Castro, foram presos pelo atentado. O governo da ilha acusou a CIA de estar envolvida no ataque e, em 2005, a agência americana admitiu que, na época, tinha “informações concretas” sobre um plano contra aviões cubanos.

Graham Hill, piloto de Fórmula 1
Nacionalidade:
britânica
Idade: 46 anos
Data do acidente: 29/11/1975
Local do acidente: Hertfordshire, Inglaterra
Total de mortos: todos os 6 a bordo
Descrição do acidente: quatro meses após se aposentar, Hill pilotava seu avião particular da França para Londres. Ao encontrar forte neblina, deixou de controlar a aeronave, que perdeu altitude e chocou-se contra árvores. Entre as vítimas estavam integrantes de sua equipe de Fórmula 1, a Embassy Hill, incluindo o também piloto Tony Brise.

© AP
O boxeador Rocky Marciano ao anunciar sua aposentadoria, em 27 de abril de 1956

Rocky Marciano, boxeador
Nacionalidade:
americana
Idade: 45 anos
Data do acidente: 31/08/1969
Local do acidente: Newton, EUA
Total de mortos: todos os 3 a bordo
Descrição do acidente: 13 anos após se aposentar, Rocky Marciano voava de Chicago para sua casa em Des Moines, onde daria uma palestra e seria recebido em uma festa de aniversário surpresa. O avião decolou à noite e em meio à forte chuva, apesar de o piloto não estar qualificado para voar usando instrumentos e ter pouca experiência em voos noturnos. Ao tentar um pouso de emergência, ele perdeu o controle da aeronave, que bateu em um carvalho.

Seleção de patinação artística dos EUA
Data do acidente:
15/02/1961
Local do acidente: Bruxelas, Bélgica
Total de mortos: todos os 72 a bordo
Descrição do acidente: todos os 18 integrantes da equipe viajavam de Nova York, nos EUA, para Bruxelas, para depois seguir em direção à Praga, onde disputariam o Campeonato Mundial de Patinação Artística. Na hora do pouso, os controles de voo falharam e o avião caiu em um terreno.

© AP
Neve cai sobre destroços do avião que levava o time do Manchester United em Munique, na Alemanaha (06/02/1958)

Manchester United, time de futebol da Inglaterra
Data do acidente:
06/02/1958
Local do acidente: Munique, Alemanha
Total de mortos: 23 dos 44 a bordo
Descrição do acidente: o time voltava para casa após um jogo em Belgrado, na Sérvia, mas uma parada em Munique foi necessária para reabastecer. Problemas no motor impediram a decolagem duas vezes. Na terceira tentativa, resíduos de neve na pista fizeram com que a aeronave levantasse voo com velocidade abaixo da necessária. Sem ganhar altitude, o avião bateu em uma cerca e, depois, em uma casa desocupada. Entre as vítimas, oito eram jogadores do time. O treinador Bert Whalley também morreu no acidente.

Torino, time de futebol da Itália
Data do acidente:
04/05/1949
Local do acidente: Superga, Itália
Total de mortos: todos os 31 a bordo
Descrição do acidente: o time voltava para a Itália após um amistoso com o Benfica em Lisboa. Ao se aproximar de Torino, os pilotos encontraram forte chuva, trovões e baixa visibilidade. O avião perdeu altitude e a asa esquerda bateu no muro da Basílica de Superga, localizada em uma montanha. Todo o time morreu, com exceção de um jogador que não voou porque estava machucado.

    Leia tudo sobre: aviãoacidenteesportistasdesastres aéreos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG