Piloto faz pouso de emergência milagroso na Sibéria

Tupolev teve pane elétrica total, forçando piloto a pousar em área deserta; todos as 81 pessoas a bordo escaparam ilesos

AFP |

O piloto de um avião comercial com 81 pessoas a bordo fez um pouso de emergência "milagroso" em uma área deserta na Sibéria, depois de uma pane elétrica total, informaram as autoridades nesta quarta-feira.

AFP
Tupolev é visto em floresta perto de região russa de Komi. Avião tinha a bordo 81 pessoas e fez pouso de emergência "milagroso" depois de falha elétrica em pleno voo
O Tupolev TU-154 seguia para Moscou na terça-feira em altitude de cruzeiro quando foi obrigado a baixar: os instrumentos de navegação entraram em pane e os flaps das asas falharam.

Os 78 passageiros, incluindo três crianças, e os três membros da tripulação entraram em estado de choque, mas não se feriram. O piloto conseguiu manejar a aeronave até uma pista de pouso desativada coberta pela vegetação.

"Depois da pane elétrica, a tripulação foi forçada a aterrissar o avião. O pouso foi manual, sem contato por rádio", relataram as autoridades russas em um comunicado.

O piloto conseguiu descer na pequena pista, construída para o pouso e decolagem de helicópteros, e avançou ainda 200 metros pela floresta até parar a aeronave. O avião era operado pela companhia Alrosa Mirny Air Enterprise, pertencente à Alrosa.

A agência Itar-Tass anunciou que todos os passageiros já haviam embarcado e chegado com segurança a Moscou - com exceção de um casal, que preferiu seguir vigem de trem depois do acidente.

    Leia tudo sobre: desastres aéreosaviãoacidenterússiamilagre

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG