Jogador de hóquei que sobreviveu a acidente de avião morre na Rússia

Aleksander Galimov sofreu queimaduras em 90% do corpo; único sobrevivente agora é tripulante que segue internado na UTI

iG São Paulo |

O jogador de hóquei no gelo Aleksandr Galimov, um dos dois sobreviventes de um acidente de avião na Rússia na semana passada, morreu nesta segunda-feira em um hospital de Moscou. Ele foi o único integrante da equipe Lokomotiv a sobreviver à queda da aeronave, que deixou outros 43 mortos.

Galimov tinha 26 anos e morreu por causa das graves queimaduras que sofreu em cerca de 90% de seu corpo. Ele nasceu na região de Yaroslavl, onde o acidente aconteceu. O tripulante Alexander Sizov, agora o único sobrevivente do acidente, segue internado na UTI de um hospital em Moscou.

Após o acidente, o presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, pediu mudanças imediatas na aviação do país.

Entre as medidas propostas por Medvedev estão a “drástica” redução do número de companhias aéreas, a renovação da frota de aviões e um melhor treinamento de tripulantes. O avião que se acidentou na quarta-feira, um Yak-42, estava em atividade desde 1993.

“É uma grave tragédia, um acidente de grande impacto, um forte golpe a todo o país”, afirmou Medvedev, que participou de uma cerimônia em homenagem às vítimas no aeroporto de Tunosha, onde oYak-42 decolou. “A investigação será transparente e pública.”

A aeronave, que pertencia à companhia Yak-Service, tinha como destino o aeroporto de Minsk, capital da Bielo-Rússia. Segundo fontes da aviação civil russa citada pela agência Interfax, a certidão de voo expirava em outubro.

A Procuradoria Geral da Rússia ordenou a abertura de investigação tanto para a companhia aérea que explorava o avião acidentado quanto aos serviços aeroportuários, a fim de estabelecer as responsabilidades.

O Comitê de Instrução da Rússia indicou nesta quinta-feira que as investigações estão centradas em duas hipóteses: uma falha mecânica no avião ou um erro dos pilotos.

AP
Destroços do avião são vistos no rio Volga, na região de Yaroslavl (08/09)

Com EFE

    Leia tudo sobre: rússiaacidenteaviãodesastres aéreos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG