Aeronave da Bhoja Airline viajava de Karachi para a capital paquistanesa, Islamabad; não há sobreviventes

*** Atualizada às 15h45

Um avião com 127 pessoas a bordo caiu nesta sexta-feira ao tentar pousar no Aeroporto Internacional de Islamabad, capital do Paquistão. Autoridades do país disseram acreditar que todos os passageiros e tripulantes tenham morrido.

Saiba mais: Veja o especial do iG sobre desastres aéreos

Equipes de resgate trabalham em local de acidente de avião em Rawalpindi, no Paquistão
AFP
Equipes de resgate trabalham em local de acidente de avião em Rawalpindi, no Paquistão

O Boeing 737-200 da Bhoja Air viajava de Karachi para Islamabad, quando caiu próximo ao complexo residencial Baria Town, em Rawalpindi. De acordo com o ministro da Defesa, Chaudhry Ahmed Mukhar, não está claro se houve vítimas em terra, mas acredita-se que a queda aconteceu em uma área rural.

Nos aeroportos de Karachi e Islamabad, parentes buscavam informações, chorando. "O irmão da minha mulher estava nesse voo", disse Naveed Khan, no local de embarque. "Estamos rezando pelas almas de todos, o que mais podemos fazer?"

As causas do acidente não estão claras, mas autoridades disseram que chovia e ventava muito no momento em que a aeronave caiu, por volta das 18h40 (horário local).  "O tempo estava muito ruim. O piloto foi obrigado a descer para evitar nuvens que estavam causando raios e trovões", disse o capitão da Marinha Arshad Mahmood, que mora na região.

Após a queda, o avião pegou fogo. Imagens de televisão mostraram partes da aeronave, incluindo o que parecia ser a asa e o motor, contra a parede de um pequeno prédio. Equipes de resgate trabalham no local usando lanternas e pediram que moradores levassem lençóis para cobrir os mortos.

A Bhoja Air tem apenas quatro aviões e voltou a operar no mês passado, após ter sido suspensa em 2001 por causa de dificuldades financeiras.

O último grande acidente aéreo no Paquistão aconteceu em julho de 2010 e foi o pior da história do país. A queda de um Airbus A321 da Airblue bateu em montanhas perto de Islamabad, deixando 152 mortos.

Mapa mostra rota de avião, que seguia de Karachi para Islamabad, no Paquistão
Arte/iG
Mapa mostra rota de avião, que seguia de Karachi para Islamabad, no Paquistão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.