"Você ainda vai se matar", disse Margera ao amigo Ryan Dunn

Ator de "Jackass" sofreu acidente fatal no dia 20 ao dirigir seu Porsche a 210 km/h

iG São Paulo |

Após mais de uma semana do acidente fatal que vitimou Ryan Dunn, o amigo e parceiro de "Jackass" Bam Margera ainda não está totalmente recuperado do choque da notícia. "Não consigo parar de chorar", disse ele em entrevista ao site do canal de TV E!.

Margera, no entanto, minimizou o fato de Dunn ter ingerido grandes quantidades de álcool antes do acidente. "Eu mesmo preciso de três cervejas para me sentir normal", comentou. "Ele é um maníaco ao volante, tinha um Porsche e dirigia muito rápido. Já havia dito a ele que ele iria se matar."

Na mesma entrevista, Margera relembrou um acidente que sofreu quando estava de carona com Dunn, no mesmo local. "Foi em 1996, e graças a Deus eu estava usando o cinto, porque o Chris Raab (colaborador de "Jackass") me colocou. Meu irmão estava sem e voou 12 metros. Graças a Deus ele está vivo", relembrou. "Dunn sempre foi um maníaco dirigindo."

No acidente fatal, Dunn perdeu o controle de seu carro, que estava a 210 km/h saiu da estrada e bateu em uma árvore nas proximidades da cidade de West Chester, na Pensilvânia. O carro pegou fogo e explodiu. O outro passageiro do carro era Zachary Hartwell, de 30 anos, que trabalhou como produtor assistente no filme "Jackass 2" (2006).

Além de integrar todas as temporadas de "Jackass" e os três longas-metragens homônimos, Dunn participou do programa derivado "Viva La Bam" e estrelou a comédia "Haggard", dirigida por Bam Margera. Também teve por um breve período um programa próprio, "Homewrecker". O ator deixou dois filmes póstumos, o suspense "Welcome to the Bates Motel" e "Booted", ambos em fase de finalização.

    Leia tudo sobre: ryan dunnjackass

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG