Ruy Castro deve ficar no CTI por mais 48 horas

Jornalista e escritor permanece com quadro estável após sofrer crise convulsiva

iG São Paulo |

AE
O jornalista e escritor Ruy Castro
O jornalista e escritor Ruy Castro deve permanecer em observação no CTI (Centro de Terapia Intensiva) do hospital São Lucas por mais 48 horas. A informação está em boletim médico divulgado pelo hospital na tarde desta terça (dia 21).

Castro, 63, foi internado após sofrer uma crise convulsiva no início da noite de domingo (dia 19). Ele foi levado ao hospital Miguel Couto, em Copacabana, e, em seguida, transferido ao São Lucas.

Ainda não se sabe o motivo que levou à crise convulsiva.

Segundo o boletim médico, Castro realizou exames e "possíveis causas de maior gravidade já foram descartadas". Ele também "apresenta uma fratura no ombro direito decorrente da crise convulsiva que sofreu".

Nascido em Caratinga, Minas Gerais, Castro é autor de biografias de personalidades como Garrincha ("Estrela Solitária), Carmen Miranda ("Carmen"), Nelson Rodrigues ("O Anjo Pornográfico").

Leia também: Ruy Castro é internado no Rio de Janeiro

Veja abaixo o boletim médico divulgado pelo hospital São Lucas:

"O quadro clínico do paciente Ruy Castro permanece estável. Ele encontra-se lúcido, cooperativo e respirando espontaneamente (sem auxílio de aparelhos). O paciente segue internado no Centro de Terapia Intensiva (CTI), do Hospital São Lucas, desde a noite de domingo, dia 19, quando sofreu uma crise convulsiva. Durante esse período de internação o paciente realizou diversos exames de investigação diagnóstica. Com isso, as possíveis causas de maior gravidade já foram descartadas. O paciente também apresenta uma fratura no ombro direito decorrente da crise convulsiva que sofreu. A previsão é que Ruy Castro permaneça em observação no CTI nas próximas 48 horas".

    Leia tudo sobre: Ruy Castrolivroliteratura

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG