Galeria de Londres estima que possa arrecadar R$ 5.3 milhões com as duas obras

Detalhes de pinturas de Andy Warhol representando os príncipes Charles e Diana
Reprodução
Detalhes de pinturas de Andy Warhol representando os príncipes Charles e Diana
Aproveitando o burburinho provocado pelo noivado do príncipe William e da plebeia Kate Middleton, uma galeria de arte londrina pôs à venda dois retratos que o 'rei da pop art' Andy Warhol fez dos pais do noivo, Charles e Diana, por ocasião de seu casamento.

Os quadros, que Warhol pretendia a princípio dar de presente ao casal, nunca foram exibidos desde que o artista americano os concluiu em 1982, um ano depois do casamento, e acabou vendendo-os a um colecionador britânico, explicaram os encarregados da Opera Gallery.

Com o interesse despertado pelo noivado, em 29 de abril, entre William e Kate, a galeria espera vender o díptico por dois milhões de libras (cerca de R$ 5.3 milhões). "Warhol é um artista com o qual nunca se perde dinheiro", explicou o diretor da Opera Gallery, Jean-David Malat, destacando que os retratos receberam muito interesse.

As obras são diferentes daquelas que Warhol (1928-1987) fez de outros famosos como Marilyn Monroe, Mao Tse Tung e Michael Jackson, pois os modelos aparecem da metade para cima, com fundo azul - no caso do príncipe Charles em uniforme de gala - e rosa no caso de Diana, elegantemente vestida e usando joias.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.