Quadro de Modigliani bate recorde e é arrematado por R$ 117 mi

O quadro de Amedeo Modigliani, "A Bela Romana", bateu todos os recordes de vendas do artista italiano

AFP |

AFP
Quadro de Amedeo Modigliani, bateu todos os recordes de vendas do artista italiano
O quadro de Amedeo Modigliani, "A Bela Romana", bateu todos os recordes de vendas do artista italiano, e foi arrematado por US$ 68,9 milhões de dólares(equivalente a R$ 117 milhões), em leilão celebrado esta terça-feira, em Nova York.

O óleo sobre tela que exibe uma mulher seminua foi estimado em mais de US$ 40 milhões pela casa Sotheby's, mas o leilão superou com folga as expectativas no começo das vendas de arte impressionista e moderna.

O recorde anterior para uma obra de Modigliani era de 43,1 milhões para uma escultura (vendida em junho passado) e de 31,3 milhões de dólares para um quadro (2004).

Na mesma noite, outra tela de Modigliani, "Jeanne Hebuterne com chapéu" foi vendido por 19,1 milhões de dólares e "O estanque de Nenúfares", de Monet, mudou de mãos por US$ 24,7 milhões.

Os grandes leilões de outono de arte impressionista, moderno e contemporâneo comeparam com um mercado recuperado após a crise e marcado pela globalização do gosto.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG