Programa imita "Up - Altas Aventuras" e faz casa voar com balões

Grupo de cientistas repete na televisão norte-americana proeza da animação

iG São Paulo |

Reprodução
Como em "Up", National Geographic Channel fez casa voar nos céus de Los Angeles e bateu recorde mundial
A casa voadora do filme "Up - Altas Aventuras" (2009) tanto estimulou a imaginação de milhares de espectadores, que, além de faturar US$ 731 milhões nas bilheterias ao redor do mundo, ainda ganhou os Oscars de melhor animação e trilha-sonora no ano passado. Demorou um pouco, mas um grupo de profissionais da TV norte-americana recriou na vida real a proeza da animação.

nullO National Geographic Channel reuniu cientistas, pilotos e engenheiros em Los Angeles no último final de semana para provar se o experimento era possível, e conseguiu. Cerca de 300 balões gigantes e coloridos, cada um inflado com um tanque inteiro de gás hélio, foram amarrados ao longo da madrugada em uma casa de madeira construída especialmente apra a ocasião.

Programada para o nascer do dia, a "decolagem" deu certo: imóvel planou por uma hora nos céus da cidade, atingindo 3 mil metros de altura, e bateu o recorde mundial de voo com o maior conjunto de balões.

Na animação da Pixar, o septuagenário Carl Fredricksen amarrava balões em sua casa para poder viajar e realizar o sonho de desbravar a América do Sul. A experiência diante das câmeras será exibida no programa "How Hard Can It Be?" (o quão difícil isso pode ser?), previsto para ir ao ar na América do Norte no segundo semestre.

    Leia tudo sobre: up altas aventurasanimaçãopixarvoobalões

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG