"Não imaginava que o Brasil gostasse tanto de balé", diz diretor do Kirov

Companhia russa volta ao país após dez anos para performances em três cidades

Augusto Gomes, iG São Paulo |

Dez anos depois de sua última passagem pelo Brasil, o Kirov está de volta. A companhia de balé russa, a mais tradicional do planeta ao lado do Bolshoi, iniciou nesta terça-feira uma série de 15 apresentações no país. Até domingo (28), as performances serão no Theatro Municipal de São Paulo. De 31 de agosto a 5 de setembro, o grupo se apresenta no Rio de Janeiro. A turnê termina em Belo Horizonte, de 8 a 10 de setembro.

Será a quarta passagem do Kirov pelo país – as anteriores foram em 1996, 1998 e 2001. Na primeira delas, o atual diretor artístico da companhia, Yuri Fateev, já estava presente. Só que como bailarino. "Na época, foi um choque para mim. Não imaginava que os brasileiros gostassem tanto de balé", conta. Tanto ele quanto alguns dos bailarinos afirmaram sentir o "calor humano" da plateia quando se apresentam no país.

Siga o iG Cultura no Twitter

"Fiquei muito feliz ao saber pelo Thiago Soares (bailarino brasileiro da companhia britânica Royal Ballet) que a procura por ingressos no Brasil era muito grande", afirmou. Fateev não está exagerando: as entradas para as 15 apresentações do Kirov no país estão praticamente esgotadas.

Com exceção de uma noite em São Paulo e outra no Rio, em todas as noites a companhia vai apresentar o seu maior sucesso, "O Lago dos Cisnes". "É a Nona Sinfonia do balé", diz Myriam Dauelsberg, presidente da Dell'Arte, empresa que traz o Kirov ao Brasil. A comparação com a obra de Beethoven tem uma explicação: ambas são garantia de sucesso de público. "Se fizermos 30 apresentações, lotam as 30", explica.

Amana Salles/Fotoarena
O diretor artístico do Kirov, Yuri Fateev
Apesar de apresentada pela primeira vez em 1877 no teatro Bolshoi de Moscou, a versão clássica de "O Lago dos Cisnes" é a que estreou em 1895 em São Petersburgo, no teatro Mariinsky, casa do Kirov. A coreografia que será apresentada no Brasil é a mesma dessa época. A música de Pyotr Tchaikovsky, também.

Mariisnky inclusive é o nome correto da companhia. Em suas turnês fora da Rússia, o nome Kirov ainda é usado, por ser conhecido mundialmente. Mas, desde o fim da União Soviética, eles voltaram a usar o nome do teatro que os hospeda em São Petersburgo. Kirov foi uma imposição do regime stalinista na década de 1930, para homenagear o líder comunista Sergey Kirov.

Se já era um dos espetáculos mais populares da história do balé há mais de 100 anos, "O Lago dos Cisnes" ganhou ainda mais fôlego no ano passado, por causa do filme "Cisne Negro". É esta a coreografia que Natalie Portman dança no longa que lhe valeu o Oscar de melhor atriz. "Depois do filme, o interesse por 'O Lago dos Cisnes', que já era grande, aumentou ainda mais", reconhece Myriam.

O longa, no entanto, não é muito bem visto no mundo do balé. Quando perguntado sobre o que achava do filme, Fateev apenas deu um surriso irônico e sentenciou: "estranho".

São Paulo

Balé Kirov apresenta "O Lago dos Cisnes"
Theatro Municipal (Praça Ramos de Azevedo, s/nº, Centro)
23, 24 e 25 de agosto (terça, quarta e quinta-feira) às 21h
27 de agosto (sábado) às 20h
28 de agosto (domingo) às 17h
Ingressos: R$ 390 (setor 1), R$ 230 (setor 2) e R$ 150 (setor 3)

Balé Kirov apresenta "Gala"
Theatro Municipal (Praça Ramos de Azevedo, s/nº, Centro)
26 de agosto (sexta-feira, às 21h
Ingressos: R$ 340 (setor 1), R$ 200 (setor 2) e R$ 130 (setor 3)

Compra nas bilheterias do Municipal, pelo telefone 4002 0019 e pelo site www.ingressorapido.com.br

Rio de Janeiro

Balé Kirov apresenta "O Lago dos Cisnes"
Theatro Municipal (Praça Floriano, s/nº, Centro)
31 de agosto e 1 e 2 de setembro (quarta, quinta e sexta-feira) às 20h30
3 de setembro (sábado) às 21h
4 de setembro (domingo) às 17h
Ingressos: R$ 2.400 (frisa e camarote), R$ 400 (plateia e balcão nobre), R$ 250 (balcão superior) e R$ 150 (galeria)

Balé Kirov apresenta "Gala"
Theatro Municipal (Praça Floriano, s/nº, Centro)
5 de setembro (segunda-feira) às 20h30
Ingressos: R$ 2.100 (frisa e camarote), R$ 350 (plateia e balcão nobre), R$ 230 (balcão superior) e R$ 100 (galeria)

Compra na bilheteria do Municipal, pelos telefones (21) 3235 8545 e (21) 2568-8742 e pelo site www.ingressorapido.com.br

Belo Horizonte

Balé Kirov apresenta "O Lago dos Cisnes"
Palácio das Artes (Avenida Afonso Pena, 1.537, Centro)
8, 9 e 10 de setembro (quinta, sexta e sábado) às 20h30
Ingressos: R$ 250 (setor 1 e 2) e R$ 160 (superior)

Compra na bilheteria do Palácio das Artes ou pelo telefone 4002 0019

    Leia tudo sobre: BaléKirovLago dos Cisnesdança

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG