Whitney Houston retorna ao top 10 da Billboard após sua morte

Coletânea "Whitney: The Greatest Hits" alcançou a sexta posição da parada americana

EFE |

Getty Images
Whitney Houston
O disco "Whitney: The Greatest Hits", da cantora Whitney Houston, que morreu no sábado passado em Los Angeles , ficou na sexta colocação na lista dos 200 álbuns mais vendidos nos Estados Unidos publicada semanalmente pela revista Billboard.

Desde a notícia de sua morte, a procura por sua obra aumentou muito, o que justifica ainda mais a fama de campeã de vendas da artista.

A compilação com os maiores sucessos da cantora vendeu 64 mil cópias no dia seguinte a sua morte, o que representa um aumento de 10.419% em relação à semana anterior.

"Whitney: The Greatest Hits" foi um dos seis álbuns da artista que entrou na lista Billboard 200. Os outros foram seu disco de estreia, "Whitney Houston", que reapareceu em 72º, "The Bodyguard", em 80º, seu último trabalho, "I Look To You", em 118º, "Whitney", em 122º, e "The Preacher's Wife", em 183º.

Ao todo, foram comercializados 101 mil cópias de seus discos durante a última semana, quantidade que superou as vendas de todos os seus álbuns realizadas de janeiro de 2011 até a sua morte, número que chegou a 97 mil.

O índice de compras em formato digital realizadas na semana passada foi de 90%, já que as lojas não tinham estoque suficiente de seus álbuns. Além disso, foram realizados 887 mil downloads de canções de Whitney nesse período, número 5.730% maior do que na semana anterior.

Sua música mais popular, "I Will Always Love You", que ficou em 3º lugar na lista de vendas digitais, acumulou em sete dias 195 mil downloads.

A britânica Adele se manteve na primeira colocação da lista da Billboard, posição que ocupa há 20 semanas, o mesmo tempo que "The Bodyguard" permaneceu como campeão de vendas, entre 1992 e 1993.

Whitney Houston entrou para o Livro Guinness dos Recordes como a artista feminina que mais prêmios recebeu (415). Além disso, a cantora vendeu 170 milhões de discos ao longo de sua carreira.

    Leia tudo sobre: Whitney Houstonmúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG