Van Morrison não foi pai, mas vítima de hacker

Informação que cantor teve filhos aos 64 anos é falsa

EFE |

Ao contrário do que foi divulgado pela imprensa e por seu site oficial, o cantor norte-irlandês Van Morrison não foi pai aos 64 anos, mas sim vítima de um hacker que manipulou sua página e incluiu, na terça-feira passada, uma notícia que rapidamente deu a volta ao mundo.

Em comunicado, o cantor informou que a informação é falsa e que sua página na internet foi manipulada para introduzir as informações do suposto nascimento de um novo filho.

A informação incluída em seu site oficial, que correu rapidamente pelos meios de comunicação de todo o mundo, anunciava o nascimento de George Ivan Morrison III com detalhes. Dizia que o bebê era fruto da relação de Morrison com a produtora Gigi Lee e que era "muito parecido com o pai".

No comunicado divulgado hoje, Morrison ressaltou que segue casado com Michelle Rocca, mãe de seus dois filhos pequenos.

O cantor, que sempre evitou falar sobre sua vida pessoal, explicou que é a segunda vez em três meses que sua página na internet é invadida por hackers. "Pedi a equipe de meu site que faça uma investigação imediata", disse Morrison.

    Leia tudo sobre: van morrison

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG