Publicidade
Publicidade - Super banner
Cultura
enhanced by Google
 

Toni Garrido vai sair do Cidade Negra para seguir carreira solo

Beatriz Garcia |

Toni Garrido vai se dedicar à carreira solo. O vocalista cumpre a agenda de shows com o Cidade Negra até maio e depois o grupo deve continuar na estrada com um novo vocalista, que ainda não foi definido. A partir daí, Garrido se apresenta com a banda Flecha Black. O anúncio oficial deve ser feito em maio, quando Toni Garrido e banda falam com a imprensa.

Dez músicos acompanham Garrido na Flecha Black. No duo de metais, Rodrigo Sha e Marlon Sette. O primeiro tem um trabalho solo e freqüentemente se apresenta nas noites cariocas, enquanto o segundo é de uma família de músicos e já trabalhou com nomes de peso (Elza Soares e Tim Maia) e a nova safra da MPB (Orquestra Imperial e Marcelinho da Lua).

Nas guitarras, Sergio Yazbek e Cláudio Costa. Influenciado pelo rock e fã de Sérgio Dias, dos Mutantes, Yazbek canta nos shows da Flecha Black Jimi Hendrix e Pink Floyd. Cláudio tem raízes no soul music e apresentações com Marcelo D2 e Sandra de Sá no currículo.
 
Maurício Piassarolo e Carlos Trilha tocam teclado e Roger Negão, baixo. Ronaldo Silva, filho do mestre Robertinho Silva, comanda a bateria. Eduardo Lyra, percussionista que trabalhou com Paralamas do Sucesso, e Marquinhos Ogã completam a banda. No repertório, Garrido resgata músicas do repertório da extinta Banda Bel, composições próprias e regravações de bandas dos anos 80 como Blitz e Ira!.

O Cidade Negra foi formado na segunda metade dos anos 80 com o vocalista Ras Bernardo. Toni Garrido juntou-se à banda em 1994 substituindo Bernado e, com ela, lançou nove álbuns. O mais recente, Diversão Ao Vivo, reúne versões de sucessos da música brasileira e foi lançado em agosto do ano passado.

Leia mais sobre Toni Garrido.

Leia tudo sobre: toni garrido

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG