Show de Ricky Martin é proibido para menores de 15 anos em Honduras

Justificativa do governo para censura é o suposto "conteúdo erótico" da apresentação

EFE |

AE
Ricky Martin
A Secretaria do Interior e População de Honduras confirmou nesta sexta-feira a proibição da entrada de menores de 15 anos ao show do cantor Ricky Martin, previsto para o próximo dia 16, por entender que a apresentação aborda "conteúdos eróticos".

A decisão foi anunciada depois que o presidente hondurenho, Porfirio Lobo, atendeu às solicitações de grupos evangélicos, que queriam impedir a realização do show.

O Governo indicou que proibir o evento seria "um ato de intolerância altamente censurável". No entanto, o comitê resolveu não permitir a entrada de menores de 15 anos por conta "do conteúdo erótico do show".

O diretor do Regime Departamental da Secretaria do Interior e População, Alberto Espinal, disse aos jornalistas que não houve pretensão de anular o show em Honduras, muito menos o questionamento da vida privada de Ricky Martin. Segundo Espinal, somente o show do artista foi analisado.

Porém, como a apresentação faz parte da turnê internacional "Música+Alma+Sexo" (MAS), alguns setores como a Confraternidade Evangélica de Honduras expressaram sua oposição.

Ainda de acordo com Espinal, a proibição do show de Ricky Martin aos menores de 15 anos foi adotada "para cuidar da saúde mental da juventude de Honduras", embora o país tenha frequentes atuações de grupos musicais que abordam temas como sexo, violência e tráfico de drogas.

Apesar de dizerem que não criticam a preferência sexual do cantor, os grupos evangélicos que contestam o show consideram que o artista não é um bom exemplo para a família.

Aos 39 anos, o ex-Menudo, que assumiu sua homossexualidade em 2010, vive com seu companheiro e seus filhos gêmeos, Valentino e Matteo. As crianças foram concebidas através de inseminação artificial em barrigas de aluguel.

Alguns veículos da imprensa local criticaram a necessidade de uma intervenção do presidente Lobo por conta de uma simples apresentação musical.

A ministra da Justiça e Direitos Humanos, Ana Pineda, afirmou em um canal da televisão local que "Ricky Martin poderá vir a Honduras quando quiser, já que o artista é embaixador do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef)".

    Leia tudo sobre: Ricky Martin

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG