Shakira chora ao receber prêmio de Personalidade do Ano

Cantora foi homenageada em cerimônia em Las Vegas um dia antes do Grammy Latino

EFE |

Getty Images
Shakira se emociona durante cerimônia em Las Vegas
Muito emocionada, a pop star internacional Shakira chorou na quarta-feira (9) à noite ao receber o prêmio de Personalidade do Ano pela Academia Latina de Gravação, em Las Vegas, um dia antes da 12ª edição do Grammy Latino, nesta quinta (10).

"Não tenho palavras para expressar minha emoção", disse a cantora colombiana com a voz entrecortada ao fim da cerimônia, quando cantou "En Barranquilla me Quedo". "Poucas vezes me senti tão valorizada. Isto não tem preço. Sou, neste momento, a mulher mais feliz do mundo e eu jamais esquecerei (esse momento)".

A cantora, de 34 anos, recebeu o prêmio das mãos de Marc Anthony logo após a apresentação de Alejandra Guzman e Natalia Jimenez, que interpretaram a célebre "Ciega, Sordomuda" em um dos salões do Centro de Convenções do hotel Mandalay Bay, de Las Vegas (Nevada), para uma plateia de mil convidados.

Siga o iG Cultura no Twitter

Passaram pelo palco ainda Cristian Castro e Vicentico ("Mis Días Sin Ti"), Franco de Vita ("No"), Pepe Aguilar ("Que Me Quedes Tú"), Estopa ("Te Aviso, Te Anuncio") e Jorge Drexler com "Devoción", uma homenagem ao autor da música, Gustavo Cerati, em coma há mais de um ano.

O ponto alto da noite foi a entrada do pai de Shakira, William Mebarak, que cantou "Es Mi Niña Bonita", quando a cantora chorou abraçada a ele em um momento de grande cumplicidade. A homenagem incluiu Víctor Manuelle cantando "Inevitable", Alex Syntek "Estoy Aquí" e Gilberto Santa Rosa "La Tortura".

Shakira foi escolhida para receber o prêmio por sua carreira musical e seus projetos filantrópicos. "Com este prêmio redobro o meu compromisso e renovo a alma", disse a artista, que anteriormente havia falado sobre a importância do trabalho que tem na Fundación Piez Descalzos, destinada a crianças carentes. "Ver como a educação transforma a vida das crianças e de suas famílias não tem preço", declarou.

Parceiro de Shakira em seus dois últimos discos na elaboração das letras em espanhol, o cantor uruguaio Jorge Drexler declarou que a colombiana não só é dona de "um grande talento, mas sabe o que quer e não para até alcançar seus objetivos com esforço e concentração".

Reuters
Shakira chora abraçada ao pai William Mebarak, que cantou "Es Mi Niña Bonita"

    Leia tudo sobre: shakira

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG