Tamanho do texto

Músico cria história maluca demais para os estúdios de Hollywood

Como roteirista, Nick Cave é sem sombra de dúvidas um ótimo músico. A prova disso é o roteiro escrito por ele para a sequência do vencedor do Oscar de 2001, o filme "Gladiador".

O convite teria sido feito pelo diretor do longa, Ridley Scott, e pelo astro Russell Crowe, que acreditaram que Cave conseguiria criar algo ideal mesmo sabendo que o personagem do ator, o general Maximus, morre no final do primeiro filme. Porém, a história desenvolvida pelo artista foi recusada por ser considerada "maluca demais".

Nela, o personagem de Crowe encontra com deuses no pós-vida e acaba reencarnando num corpo imortal. Por causa disso, ele acaba participando de diversos conflitos como a Segunda Guerra Mundial e a Guerra do Vietnã. No final, Maximus acaba empregado pelo Pentágono, órgão de defesa dos Estados Unidos.

De acordo com Ridley Scott, Cave se divertiu muito ao escrever o roteiro. Mesmo assim, a ideia não vingou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.