Rihanna faz bom show para público pequeno em São Paulo

Primeiro show da cantora no Brasil teve plateia abaixo da expectativa

Augusto Gomes, iG São Paulo |

EFE
Rihanna faz show na Arena Anhembi em São Paulo
Rihanna é uma das principais estrelas da música na atualidade. Tem no currículo, por exemplo, dez músicas em primeiro lugar na parada americana e mais de vinte milhões de discos vendidos.

Mas nada disso impediu que seu primeiro show no Brasil tenha sido um fracasso de público. Poucos minutos antes de sua apresentação em São Paulo começar, havia enormes espaços vazios tanto na pista premium como na normal da Arena Anhembi.

Sorte de quem estava lá e pode um bom show sem muito aperto. Rihanna subiu ao palco com uma hora cravada de atraso.

Vestindo uma espécie de maiô que deixava bem evidente o seu belo físico (contrariando a norma das divas pop, a cantora manteve o mesmo figurino até o final da apresentação), ela abriu a apresentação com uma ótima sequência de hits: "Only Girl (In the World)", "Disturbia" e "Shut Up and Drive".

Na comparação com outras cantoras que passaram pelo Brasil nos últimos anos, como Madonna e Beyoncé, Rihanna tem um show bem mais simples. Além de não haver as infindáveis trocas de roupa, a presença de bailarinos e outros recursos cênicos é mais discreta. A apresentação conta com a música mesmo para prender a atenção do público. E, como Rihanna tem sucessos de sobra, a estratégia deu certo.

Houve, é claro, alguns momentos mais mornos, como a sequência de músicas mais lentas iniciada com "Unfaithful". A versão de "Umbrella", música escolhida para fechar a apresentação, também foi um tanto arrastada. E sua tentativa de tocar bateria em "The Glamorous Life" valeu pela intenção e só.

Esses problemas, no entanto, ficaram pequenos diante dos pontos altos do show. Os melhores foram os mais dançantes, como "S & M" e "Don't Stop the Music". Além deles, se destacaram a ótima versão de "What's My Name" e as animadas "Hard" e "Live Your Life".

A turnê de Rihanna pelo Brasil continua neste domingo, com uma apresentação no Mineirinho, em Belo Horizonte. Depois, na quarta-feira (21), ela canta no Ginásio Nilson Nelson, em Brasília. O último show acontece na sexta-feira (23), na primeira noite do Rock in Rio, ao lado de Elton John, Katy Perry e Claudia Leitte.

    Leia tudo sobre: Rihannarock in riomúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG