Órgão restaurado de 369 anos volta a tocar em Viena

Conserto do instrumento custou 1,64 milhão de dólares; instrumento pertence à igreja dos Franciscanos

AFP |

O órgão barroco mais antigo de Viena, pertencente à igreja dos Franciscanos, com 369 anos de idade, foi reinaugurado neste sábado com um concerto para comemorar sua reabilitação após mais de três anos de restauração.

O conserto do instrumento custou 1,64 milhão de dólares, obtidos através de subsídio público e doações de fiéis e apreciadores da música. O meticuloso trabalho de restauração conseguiu manter 90% dos foles originais, assim como 17 dos 21 registros. Os outros precisaram ser reconstituídos.

Construído em 1642 pelo organeiro vienense Johannes Wockherl e batizado em sua homenagem, esse monumental instrumento foi encomendado pelos Franciscanos durante a Guerra dos 30 Anos (1618-1648) para simbolizar a esperança em um futuro melhor, com a aproximação do fim do conflito entre protestantes e católicos alemães e austríacos, que teve também o envolvimento de França, Dinamarca e Suécia.

O organista austríaco Friedrich Lessky foi convidado a tocar o renovado Wockherl, que antes do recital foi abençoado pelo bispo auxiliar de Viena, Franz Lackner.

    Leia tudo sobre: música

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG