Morre o saxofonista de jazz Bud Shank

Shank, um dos pilares do jazz na Costa Oeste nos anos 1950, morreu vítima de problemas pulmonares

Redação com AFP |

O saxofonista de jazz Bud Shank morreu em sua residência no Arizona (oeste dos Estados Unidos) aos 82 anos, informa o site do músico. Shank, um dos pilares do jazz na Costa Oeste nos anos 1950, morreu no último dia 2 vítima de problemas pulmonares, segundo amigos.

O artista tinha acabado de chegar da Califórnia, onde gravou um novo CD. Shank teve notáveis colaborações com o compositor indiano Ravi Shankar, e com The Mamas & The Papas no grande sucesso de todos os tempos "California Dreamin".

Ele também teve uma longa ligação com a música brasileira. Dois de seus últimos trabalhos, inclusive, foram gravados no Rio de Janeiro, em parceria com o pianista João Donato.

O CD Uma Tarde com João Donato e Bud Shank foi gravado em 2004, logo depois do saxofonista tocar no Chivas Jazz Festival daquele ano.

Dois anos depois, Donato e Shank reuniram-se novamente para gravar um DVD ao vivo, intitulado Ao Vivo no Rio de Janeiro .

    Leia tudo sobre: música

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG