Legião Urbana volta aos palcos em Brasília

Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá tocaram com diversos vocalistas

Rafaela Céo, especial para o iG Música |

Quando deixou o palco 12º Porão do Rock, em Brasília, o cantor Herbert Vianna, do Paralamas do Sucesso, confirmou o que, apesar do segredo da organização do evento, já era uma forte suspeita entre a multidão: Viva a Legião Urbana, saudou o vocalista.

O que se seguiu foi a apresentação da atração surpresa do tradicional festival da capital federal, que era mesmo a mais famosa banda da cidade. Treze anos após a morte de Renato Russo, o retorno aos palcos de Marcelo Bonfá e Dado Villa-Lobos emocionou fãs de todas as idades, que choraram e cantaram do início ao fim as oito músicas do show.

Escolher um nome para ocupar o lugar de Renato Russo seria impossível ¿ o microfone com a rosa branca esteve vago o tempo todo, como prova de que aquele lugar não teria um substituto oficial. Por isso, os outros dois integrantes da Legião Urbana convidaram artistas de Brasília e do Uruguai para cumprir a tarefa de interpretar as tão conhecidas letras.

O primeiro a subir no palco foi André Gonzales, do Móveis Coloniais de Acaju, que cantou "Tempo Perdido". Não foi nada planejado há muito tempo. Recebi o convite na quarta-feira passada (16). Na sexta estava no Rio para ensaiar. Chegamos ontem e hoje já nos apresentamos. No início fiquei nervoso, porque sei que a Legião representa muito para o público da capital, contou Gonzales. 

Os amigos uruguaios Juan Casanova e Sebastián Teysera não poderiam ficar de fora da apresentação. Afinal, essa história de ter Dado e Bonfá de volta aos palcos brasileiros surgiu depois que a dupla foi convidada a participar de uma homenagem à Legião na capital uruguaia, no final do ano passado. O mais incrível é que só havíamos tocado uma vez no Uruguai. A homenagem que eles fizeram foi uma surpresa muito grande, revelou Dado.

Toni Platão, ex-Hojerizah, conduziu o público pelos versos de "Eu Sei". E Felipe Seabra, que havia se apresentado horas antes com a sua Plebe Rude, cantou "Geração Coca-Cola". Com espaço de sobra para o saudosismo, Felipe falou da primeira apresentação da Legião Urbana, que aconteceu no começo da década de 80, em Patos de Minas (MG), onde também estava a Plebe. Tanta subversão junta, lembrou, só poderia ter terminado na delegacia, com todo mundo preso. Quem também voltou ao palco para prestigiar o momento tão especial foi o Paralamas do Sucesso, com "Ainda é Cedo".

Voltar a Brasília numa situação como essa tem uma carga emocional muito grande, disse Dado Villa-Lobos no fim do show. Tivemos uma resposta muito forte do público, completou Marcelo Bonfá, que quando começou a idealizar a apresentação, achou que poderia ser vaiado. Será que tanto sucesso e satisfação não seriam um estímulo para a volta definitiva da Legião Urbana?

A dupla garante que não: A Legião que temos agora é uma forma de reencontrarmos o público e cantarmos essas canções que dizem tanto para tantas pessoas, fala Dado. O que pode acontecer é uma série de eventos no ano que vem, nesse mesmo formato, uma série de homenagens, antecipa Bonfá.

A 12ª edição do Festival Porão do Rock aconteceu nos dias 19 e 20 de setembro, na Esplanada dos Ministérios, com entrada franca. Nos dois dias do evento, o público conferiu 40 atrações, que se dividiram em dois palcos.

Como antecipação das comemorações do aniversário de 50 anos da capital ¿ que serão celebrados em 21 de abril de 2010 ¿, a segunda noite do evento foi totalmente dedicada ao rock do Distrito Federal e parte importante de sua história. Espaço para que os fãs pudessem reviver as canções emblemáticas de Plebe Rude, Raimundos, Cabeloduro, Escola de Escândalo, Detrito Federal, entre outros grupos.

Entre as outras bandas que se apresentaram, estiveram dois grupos internacionais ¿ Eagles of Death (EUA) e El Mato a un Policia Motorizado (Argentina), além dos 11 nomes vindos de cinco estados brasileiros: Angra (SP), Sepultura (MG), Paralamas do Sucesso (RJ), Cachorro Grande (RS), Ludov (SP), Black Drawing Chalks (GO), Mugo (GO), Mindflow (SP), Orgânica (SP), Melda (MG) e Belle (RS). 

    Leia tudo sobre: legião urbana

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG