Lady Gaga é acusada de plagiar Bette Midler

Popstar é criticada pela veterana após vestir-se de sereia e cantar de cadeira de rodas em show

EFE |

Getty Images
Lady Gaga utilizando uma cadeira de rodas em Sydney, na Austrália: apresentação rendeu críticas e ovos
Lady Gaga, que levantou polêmicas quando apareceu vestida de sereia em uma cadeira de rodas no palco, foi acusada pela cantora americana Bette Midler de plagiar seu número musical. "Querida Lady Gaga, se você acha que essa sereia na cadeira de rodas soa familiar, é porque é mesmo! Eu venho interpretando uma sereia na cadeira de rodas desde 1980. Fique com o vestido de carne e os peitos de fogos de artifício, que a sereia já é minha".

Midler, que aparece em diversos vídeos na internet fantasiada com um traje azul de sereia interpretando "New York, New York", postou ainda outros comentários mais diplomáticos na rede social, nos quais convidou a cantora para brindarem juntas na festa do prêmio Emmy em setembro e assegurou que "as sereias fabulosas podem coexistir".

Lady Gaga interpretou na semana passada a música "You and I" em Sydney sentada em uma cadeira de rodas, o que arrancou vaias do público e uma chuva de ovos contra o palco que acabou sobre seus dançarinos, além das críticas de diversas associações de portadores de necessidades especiais nos Estados Unidos.

Apesar da polêmica, o uso da cadeira de rodas não é novidade para a cantora, que já tinha recorrido ao equipamento em outros shows e videoclipes, como no single "Paparazzi" em 2009 e, inclusive, não é a primeira vez que Lady Gaga é acusada de plagiar outros artistas, como Madonna e David Bowie.

    Leia tudo sobre: lady gagaBette Midler

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG