Kooks anima São Paulo com roquinho para meninas

Banda faz show para público jovem em São Paulo

Juliana Zambelo |

A banda inglesa The Kooks faz roquinho. Aquele tipo de música que empresta do rock sua porção mais superficial ¿ os instrumentos, o formato, a postura no palco ¿ mas está muito mais próxima da assepsia e do bom mocismo do pop radiofônico e inofensivo do Jonas Brothers. E foi isso que, com muita competência e simpatia, eles reafirmaram na noite desta sexta-feira em São Paulo na sua única apresentação em solo brasileiro.

O quarteto passou pelo Via Funchal e tocou para uma plateia formada principalmente por meninas com idades variando entre os 15 e 20 anos ¿ bonitas, bem vestidas e algumas até acompanhadas das mães. Casais e garotos jovens de visual moderno completavam o público numeroso.

O show teve início pouco depois das 22h e começou bastante animado com Always Where I Need to Be, faixa do segundo e mais recente álbum do Kooks, Konk . Os fãs receberam a banda com entusiasmo, acompanhando quase todas as músicas com as letras na ponta da língua. Matchbox e Ooh La, do trabalho de estreia, vieram logo na sequência em um set list que contemplou de forma balanceada os dois CDs.

Com apenas a formação básica de duas guitarras, baixo e bateria, o Kooks toca mais alto ao vivo do que o disco deixa supor. Mesmo as faixas de seu trabalho de estreia, como She Moves in Her Own Way, ganham vigor extra no palco, mudança que os fãs aprovaram. Mas foram as mais novas Do You Wanna, Shine On e Sway alguns dos pontos altos da noite.

O vocalista Luke Pritchard foi o único integrante a interagir com a plateia. Em português bem ensaiado, pediu desculpas por não falar nosso idioma e declarou estar muito feliz por tocar no Brasil.

Depois de uma hora de show e uma curta pausa, Pritchard voltou sozinho ao palco para mostrar ao violão uma faixa inédita e em seguida atendeu aos pedidos dos fãs improvisando Seaside, que tudo indica que não estava prevista no repertório. Mais um ponto positivo para a banda no coração dos fãs brasileiros.

Encerrando no Brasil sua rápida passagem pela América do Sul, o Kooks volta para Europa onde segue em turnê pelos próximos meses.

    Leia tudo sobre: kooks

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG