Itens ligados a Michael já custam milhões na internet

Endereços na web custam até US$ 10 milhões

EFE |

As lembranças e objetos relacionados a Michael Jackson se tornaram hoje os tesouros mais cobiçados da internet, na qual sites como o eBay oferecem artigos ligados ao artista por até US$ 10 milhões. Menos de 24 horas depois da morte de Michael, havia mais de 22 mil artigos sobre o rei do pop à venda ou em leilão no eBay.

Os domínios "MichaelJacksongonetoosoon.com" ("Michael Jackson foi embora muito cedo", em tradução livre") ou "MichaelJacksontheicon.com" ("Michael Jackson, o ícone", em tradução livre), entre outros, valem nada menos do que US$ 10 milhões.

E quem quiser possuir um pedacinho da web dedicado ao artista tem opções mais econômicas como "MichaelJacksonGreatestHits.com", por US$ 5 milhões, ou "MichaelJoeJackson.com" (nome de batismo do artista), por US$ 2,5 milhões.

Também estão disponíveis no eBay domínios que levam os nomes de dois dos filhos de Michael ("PrinceMichaelJacksonII.com" e "ParisKateJackson.com"). Surpreendentemente, estes sites não pertencem a sua família e custam "apenas" US$ 250 mil.

Entre as lembranças relacionadas ao cantor estão diversos discos autografados, cotados em cerca de US$ 2.500, um de seus característicos chapéus pretos, supostamente usado em uma turnê, avaliado em US$ 3.500.

Também está à venda um colete à prova de balas que, garante o vendedor, tocou a pele de Michael e que é oferecido junto a uma jaqueta da turnê de 1998 e artigos de joalheria por US$ 10 mil.

Surpreende também a quantidade de discos de ouro e platina comemorativos dos sucessos de Michael ou dos Jackson Five que estão à venda no eBay, por preços que chegam a US$ 25 mil.

Obviamente, também há aqueles que tentam aproveitar o momento com ofertas duvidosas.

Várias mechas de cabelo do cantor, teoricamente reais, são vendidas pela bagatela de US$ 5 mil. Entretanto, não há no anúncio nada que permita supor que isso seja verdade.

    Leia tudo sobre: michael jackson

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG