Grupo Sambô toca U2 e Led Zeppelin em ritmo de samba

Banda é atração do programa Canja da próxima terça-feira (17)

iG São Paulo |

Sté Frateschi / Divulgação
Sambô
Já imaginou como músicas como "Sunday Bloody Sunday", do U2, ou "This Love", do Maroon 5, ficariam em ritmo de samba?

Pois essas duas canções estão no repertório do Sambô, grupo de Ribeirão Preto (interior de São Paulo) que fez fama ao usar pandeiros e tamborins para fazer versões bem originais de sucessos do rock.

Siga o iG Cultura no Twitter

Segundo o tecladista Ricardo Gama, tudo começou por acaso. "Tínhamos um grupo de samba. Um dia, durante um show, alguém disse 'toca um rock'. Nem sei se ele estava falando sério ou só queria nos provocar. Mas nós tocamos 'Mercedes Benz', da Janis Joplin. Mas em ritmo de samba", conta.

A experiência deu certo e, aos poucos, o grupo começou a incluir mais e mais rocks no repertório - "Rock and Roll", do Led Zeppelin, e "Satisfaction", dos Rolling Stones, são dois casos. "Também fazemos versões de pop e MPB. O Rappa e Gilberto Gil, por exemplo", afirma.

nullNa semana que vem, será possível assistir ao rock-samba do Sambô na TV iG. A banda é a convidada do programa Canja e vai se apresentar ao vivo e conversar com internautas, direto do Estúdio iG . O programa será transmitido a partir das 15h de terça-feira (17) e terá uma hora de duração.

Uma amostra do som da banda pode ser vista no vídeo acima, em que a banda interpreta "Sunday Bloody Sunday".

A canção está no primeiro DVD do grupo, chamado simplesmente "Sambô". Nele, é possível ver como eles se apresentam: numa roda, com o público em volta. "É uma roda de samba mesmo", diz Ricardo Gama.

O vídeo tem a participação especial da cantora Luciana Mello na faixa "Não Deixe o Samba Morrer". "Já tivemos outras participações especiais em outros shows nossos. Sérgio Reis já cantou com a gente, Seu Jorge também", conta. "Não foi nada ensaiado. Eles simplesmente subiram no palco e cantaram".

    Leia tudo sobre: CanjamúsicaSambô

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG