Grupo Parangolé é acusado de plagiar música do Angra

Segundo o guitarrista Kiko Loureiro, grupo baiano se apropriou do riff de "Nova Era" na música "Azeviche"

Augusto Gomes, iG São Paulo |

Divulgação
Kiko Loureiro, guitarrista do Angra
O grupo baiano Parangolé, famoso pelo sucesso "Rebolation", está sendo acusado de plágio. A canção "Azeviche", gravada pela banda em 2007, teria copiado o riff de guitarra de "Nova Era", da banda de metal Angra. "Que feio os parangolés roubando música dos outros", escreveu o músico em seu twitter.

Procurado pela reportagem do iG, Kiko disse que entrou em contato com a música do Parangolé através do baixista do Angra, Felipe Andreoli. "Ele me mostrou e a minha primeira reação foi: 'que cara de pau!'", conta. "É muito estranho ver algo que você criou ser usado por outra pessoa sem que você saiba".

"Nunca entraram em contato com a gente para saber se poderiam usar o riff. Era só mandar um e-mail, é tão fácil fazer isso", diz. "É uma inversão de valores. As pessoas acham que simplesmente podem pegar o que a gente criou e pronto".

Representantes do Parangolé afirmam que a editora do grupo já entrou em contato com a editora do Angra para decidir quais providências tomar. "Os departamentos jurídicos vão conversar. Se for julgado que houve plágio, vamos arcar. Queremos fazer tudo dentro da lei, como sempre fizemos", explica Daniela Basílio, assessora de imprensa do Parangolé.

"Eu espero que alguém me peça desculpas e pergunte o que deve fazer agora para consertar o erro. Espero uma atitude dessas", diz Kiko. Veja no vídeo abaixo, postado no You Tube, a comparação das duas músicas.

nullA assessoria do Parangolé ressalta que, quando Azeviche foi gravada, o atual vocalista Léo Santana não fazia parte do grupo. "Era uma banda totalmente diferente. O Léo não gravou e nem canta essa música nos shows", afirma Daniela.

No twitter, Kiko havia brincado até se conformava com o plágio, mas "só não queria que começasse pelo Parangolé". Ele garante que foi só uma piada. "É claro que muitos fãs nossos estão ainda mais revoltados porque é uma banda de axé. Mas eu não tenho preconceito com gênero nenhum. Até o Calcinha Preta, um grupo de forró, já gravou música nossa".

A canção "Bleeding Heart", do Angra, virou "Agora Estou Sofrendo" na versão do Calcinha Preta. "A diferença é que eles fizeram a coisa certa. Entraram em contato, perguntaram se podia gravar, nós liberamos".

    Leia tudo sobre: AngraParangolé

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG