Gruff Rhys começa turnê pelo Brasil ao lado de integrantes do Pato Fu

Vocalista do Super Furry Animals toca com Fernanda Takai e John Ulhoa em São Paulo e depois segue solo; leia entrevista ao iG

Augusto Gomes, iG São Paulo |

Getty Images
"Você sabia que há uma colônia galesa no Brasil?", pergunta Gruff Rhys
O músico galês Gruff Rhys é uma figura constante nos palcos brasileiros. Primeiro, veio ao país com a banda que o tornou famoso, o Super Furry Animals. Também já se apresentou com seu projeto paralelo, o Neon Neon. E ainda fez alguns shows solo por aqui.

A partir desta quarta-feira (07), Rhys inicia mais uma turnê pelo país. Serão três shows, sendo que o primeiro, em São Paulo, terá a participação dos brasileiros John Ulhoa e Fernanda Takai, da banda Pato Fu.

Siga o iG Cultura no Twitter

"Ainda não decidimos o que vamos fazer. Provavelmente tocarei sozinho por uma meia hora, depois eles tocam sozinhos por mais meia hora e depois tocamos juntos por mais meia hora. Temos um ensaio juntos para definir", afirmou o músico ao iG em entrevista por telefone.

O público poderá acompanhar este ensaio pela página da Inker no Facebook , agência responsável pela turnê de Rhys no Brasil. A transmissão acontecerá das 19h às 23h desta terça (06).

Rhys, Ulhoa e Takai se conhecem há cerca de dez anos. "Nos encontramos por acaso em um estúdio em Londres. Eu estava gravando um disco, eles estavam mixando um, se não me engano", conta. "Foi quando conheci a música do Pato Fu. Desde então, gosto muito deles."

Não será a primeira vez que Rhys toca com artistas brasileiros. Ele já se apresentou ao lado do músico gaúcho Tony da Gatorra. A parceria inclusive rendeu um disco conjunto, "The Terror of Cosmic Loneliness", lançado em 2010.

Ouça músicas e aprenda letras de Gruff Rhys

O show desta quarta faz parte da série "Tête-a-Tête", que promoverá, ao longo do ano, reuniões de artistas brasileiros e estrangeiros. A de Rhys com os integrantes do Pato Fu é a segunda. A primeira aconteceu em fevereiro e reuniu o cantor Bruno Morais e a neozelandesa Flip Grater.

Divulgação
Gruff Rhys, Fernanda Takai e John Ulhoa
Nos outros dois shows da turnê brasileira, em São Paulo e em Curitiba, Rhys estará sozinho no palco. "Serei eu, minha guitarra, meu teclado e algumas bases", explica o músico. A base do repertório será seu mais recente disco solo, "Hotel Shampoo", lançado no ano passado.

"Vou tocar músicas desse álbum e algumas dos meus outros dois trabalhos", adianta. Canções do Super Furry Animals não estão nos planos. "Acho que não... Tenho bastante material nos meus discos solo para um show."

Entre as performances de São Paulo e de Curitiba, Rhys fará um show em Buenos Aires, na Argentina. Será a primeira vez que ele volta ao país após filmar o documentário "Separado!" lá. O filme acompanha a procura do músico por antepassados de sua família que migraram para a América do Sul no final do século 19.

Escute sucessos do Super Furry Animals no Vagalume

Um desses parentes distantes de Rhys, René Griffiths, inclusive virou músico e fez sucesso nos anos 1970 ao misturar música latina com influências galesas.

"Você sabia que também há uma colônia galesa no Brasil?", conta o cantor no final da entrevista. "Fica em Pelotas, no Rio Grande do Sul. Eles inclusive aparecem no documentário. Infelizmente não poderei visitá-los dessa vez."

SERVIÇO

São Paulo
Gruff Rhys com John Ulhoa e Fernanda Takai
Quarta-feira (7), às 23h
Studio SP (Rua Augusta, 591)
Ingressos: R$ 40 a R$ 60; informações no Divirto

Gruff Rhys solo
Quinta-feira (8), às 23h
Studio SP (Rua Augusta, 591)
Ingressos: R$ 40 a R$ 60; informações no Divirto

Curitiba
Gruff Rhys solo
Sábado (10), à meia-noite
The Peppers Bar (Rua Inácio Lustosa, 496)
Ingressos: R$ 100 a R$ 120; informações no Disk Ingressos

    Leia tudo sobre: gruff rhyssuper furry animalspato fufernanda takaijohn ulhoamúsicashow

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG