Foo Fighters enfileira 2h30 de hits no Lollapalooza

Banda encerrou primeiro dia do festival com apresentação enérgica que contou com participação especial de Joan Jett

Augusto Gomes, iG São Paulo |

Claudio Augusto/iG
Dave Grohl em show do Foo Fighters no Lollapalooza
Dave Grohl prometeu e cumpriu. No início do show do Foo Fighters no Lollapalooza Brasil, afirmou que iria tocar durante o máximo de tempo que pudesse.

Não deu outra: a apresentação teve duas horas e meia de duração e mais de 20 músicas. E, se dependesse da empolgação do público, ele ainda poderia tocar por pelo menos mais meia hora.

O show começou pontualmente às 20h30, com a música "All My Life", e Grohl correndo e gritando a plenos pulmões, como que para calar os rumores de que ele estaria com a voz prejudicada por uma gripe.

Sua voz, no entanto, deu sinais de cansaço na metade final do show, principalmente após a gritaria de "Monkey Wrench". Mesmo assim, ele não parou de berrar.

Lollapalooza em imagens: o primeiro dia do festival

Logo no início, Grohl já mostrou por que é um dos poucos astros do rock "à antiga". No palco, ele se comporta como se estivesse nos anos 1970 ou 1980. Encara o público, levanta a guitarra, corre e chacoalha o cabelo sem a menor vergonha.

A música do Foo Fighters também é clássica. Bebe na fonte de Led Zeppelin e Black Sabbath (músicas como "Stacked Actors" são um bom exemplo) e não tem pretensão de inovar ou de soar moderna. Nem precisa.

Galeria de estilo: Primeiro dia de Lollapalooza

Claudio Augusto/iG
Dave Grohl
Entre os pontos altos do show, destacaram-se "My Hero" e "Learn to Fly", tocadas em seguida no primeiro terço da noite; "Breakout" e a surpresa "Big Me", no bloco intermediário; e, na reta final, uma longa "Stacked Actors", "This Is a Call" e, para fechar, "Best of You".

Durante essa última faixa, foi a vez de o público dar show. Ao mesmo tempo em que cantavam os "oh oh oh" da música, os fãs levantaram cartazes com a palavra "oh". Grohl adorou. "I fucking love you, people", disse.

Mas o show, mesmo após duas horas, ainda não estava terminado. Ainda havia tempo para um bis. E que bis: teve participação especial da cantora Joan Jett nas canções "Bad Reputation" e "I Love Rock'n'Roll". Após essas duas canções, Grohl encerrou com a clássica "Everlong".

Lollapalooza em imagens: o primeiro dia do festival

Capacidade esgotada

No total, o primeiro dia do Lollapalooza reuniu um público de 75 mil pessoas. Apesar das filas para entrar no Jockey Club e para comprar bebida e comida , o evento teve uma série de ótimos shows, como os do TV on the Radio , de Joan Jett e do Cage the Elephant , entre outros.

Neste domingo, o festival continua com shows de Arctic Monkeys como atração principal. Para este dia, ainda há entradas - a inteira custa R$ 300, e a meia sai por R$ 150.

    Leia tudo sobre: Foo FightersLollapaloozamúsica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG