Guns N Roses se apresenta neste sábado no estádio Palestra Itália

Os seguranças noturnos do Estádio Palestra Itália, na zona oeste de São Paulo, têm passado madrugadas menos tediosas nesta semana. Desde segunda-feira, a calmaria do local após a meia-noite ¿ que antes era perturbada apenas por um ou outro bêbado ¿ deu lugar a longos bate-papos com os novos habitantes temporários da calçada da Rua Turiaçu: os jovens acampados para garantir os melhores lugares no show da banda norte-americana Guns N Roses, no sábado.

"A gente passa a noite toda trocando ideia com eles. É um pessoal bem gente boa. Ontem nem dormimos, ficamos só conversando", conta o skatista profissional Rodrigo Francisco Rodrigues, de 22 anos, que de terça para quarta passou a primeira noite da sua vida acampado na frente de uma casa de show. "Estou fazendo isso só porque é o Guns. É minha banda favorita, já faz quase dez anos", diz.

AE

Os amigos Ademir Shekchi Junior e Francisco Cardoso Rodrigues, acampados no Palestra Itália

Rodrigo é um dos 11 fãs mais ansiosos que começaram a chegar quase uma semana antes da apresentação. Para evitar atritos e otimizar a convivência, há uma divisão solidária de tarefas dentro do grupo. "Todo mundo se reveza. Eu, que não trabalho, posso ficar mais tempo aqui durante o dia e ajudar quem tem de ir para o serviço", afirma o estudante Ademir Suekichi, de 17 anos.

Na hora de entrar no show, a ordem de chegada na fila e o total de horas de colaboração nas barracas ¿ dados metodicamente anotados todos os dias ¿ serão contabilizados para definir a ordem de quem entra primeiro. "Nós fazemos isso para poder ficar na grade, o mais perto possível da banda", explica Ademir.

E, coisa de fã, ele fala isso sem saber se realmente verá o show de sábado. Desempregado há três meses, Ademir ainda não tem ingresso e espera arrecadar dinheiro na própria fila para comprar a entrada de cambistas. "Conheço gente que já fez isso em outros shows. Acho que vai dar certo", afirma.

Na pior das hipóteses, ele vai agradar a namorada, uma moradora de uma pequena cidade na região de Blumenau, em Santa Catarina, fanática por Guns N Roses. "Estou guardando lugar para ela, que vem de excursão e só chega no dia do show. Não custa nada", diz, modesto, o namorado-modelo, que, no total, vai passar cinco noites acampado e na maior expectativa na calçada da Rua Turiaçu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.