Especial John Lennon 70 anos

2010 marca aniversário do beatle e 30 anos de sua morte; veja sucessos da carreira solo, vote e leia as reportagens

iG São Paulo |

Maior astro da música pop do século 20, John Lennon completeria 70 anos no dia 9 de outubro e nesta quinta-feira serão lembrados os 30 anos de sua morte. Cantor, compositor, músico, ativista social e principal nome dos Beatles, Lennon foi assassinado em 8 de dezembro de 1980 em frente ao prédio onde morava, em Nova York.

Lennon continua no imaginário pop. No cinema, está em cartaz no Brasil uma cinebiografia sobre sua adolescência, " O Garoto de Liverpool "; já o documentário "LennoNYC" pode ser assistido na TV por assinatura. A discografia completa do beatle voltou às lojas em versão remasterizada, acompanhada por duas coletâneas e um box especial. Na internet, as músicas dos Beatles finalmente chegaram ao iTunes – um sucesso: 450 mil álbuns e dois milhões de faixas individuais vendidas só na primeira semana.

Ao redor do mundo, as homenagens a Lennon são frequentes. Em Nova York, fãs fazem vigília no Central Park, na esquina batizada de "Strawberry Fields", próximo ao Edíficio Dakota, onde o cantor foi morto. Na capital da Islândia, a "Imagine Peace Tower", torre de luz que atinge até 4 quilômetros de altura, será apagada nesta quarta, dois meses depois de ser acesa, no aniversário de Lennon. Em Los Angeles, um leilão ofereceu itens pessoais do astro e superou as expectativas. Em Liverpool, o clima é de comoção entre os turistas.

Enquanto isso, Mark Chapman, o assassino do beatle, teve seu pedido de condicional negado pela sexta vez e permanece trancafiado na prisão de Attica, próxima a Nova York. Os últimos momentos de Lennon, aliás, parecem ter fascinado o mercado: livro, especial de TV e reportagens especiais sobre o assassinato são destaque na imprensa internacional, esmiuçando até as tentativas de ressuscitar o músico no hospital. Detalhes de gosto duvidoso que nem precisavam ser recuperados.

Alheio a isso, o legado de Lennon e dos Beatles permanece vivo. Perólas da banda, como “I Wanna Hold Your Hand”, “A Day in the Life”, “In My Life”, “Lucy in the Sky with Diamonds” e tantas outras, ajudaram a moldar o pop como o conhecemos hoje e continuam na ponta da língua dos fãs – a passagem de Paul McCartney pelo Brasil serviu como confirmação.

Em carreira solo, Lennon não foi menos relevante. Continuou a unir com maestria melodias perfeitas e letras marcantes, como provam faixas como “Give Peace a Chance”, “Mother”, “Working Class Hero”, entre outros hits, como você pode ver e ouvir no infográfico abaixo e nas matérias deste especial.

    Leia tudo sobre: john lennon70 anosbeatlesinfográfico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG