Eskimo fala em entrevista sobre o Orbital

Responsável pelo hit dos festivais eletrônicos Hello Moto fala do evento

Redação iG |

Uma das principais atrações da edição de aniversário da Orbital, que completa 7 anos, é o inglês Eskimo. Suas produções são inspiradas no cotidiano, coisas que vê e escuta, mas ficam despercebidas até serem escutadas numa pista de dança.

Para aquecer o evento, que acontece neste sábado, dia 4 de abril, na fazenda Maeda, em Itu, veja abaixo a entrevista com Junya, DJ que comanda o projeto Eskimo.

Em quantas festas Orbital você já tocou? Na sua opinião, esta festa representa o começo de sua carreira no Brasil?
Acho que toquei em três Orbital até agora. Sim e não, já tocava no Brasil antes de tocar na primeira vez na Orbital, mas a Orbital sem dúvida foi um grande impulso na aceitação de Eskimo por aqui. Acredito que este ano será o começo do caminho que sempre quis traçar e promover minha carreira. Acho que tudo começará a partir de agora...

Você viu o flyer da Orbital 7 anos? O que achou da campanha de comunicação?
Muito boa. É muito engraçado ver todos artistas que conheço representados por desenhos. Eu ainda acho que poderiam ter me desenhado mais alto e com ombros menores, mas de resto está tudo ótimo, (risos).

Você toca no mundo todo, já viu alguma campanha bem diferente que chamou sua atenção?
Já vi algumas, me lembro de um amigo que fez um disco temático em que nos vestimos de John Travolta e Madonna. Espero que surjam mais idéias na cena.

Falando nisso, para você, o que é uma performance futurística?
Se eu pudesse tocar direto do meu estúdio ou da minha casa no México em vários clubs e eventos ao redor do mundo, tudo na mesma hora. Seria insano! Imagine se sentir conectado com milhares de pessoas, em lugares diferentes, dentro de uma sala.

Você virá desta vez para uma turnê chamada Show me the Money, por que este nome? Em que se inspirou para nomear sua turnê desta forma?
Sempre gostei desta expressão, desde o filme Jerry Maguire, e muitas pessoas têm medo de promover suas músicas por egoísmo, e isto é exatamente o que tenho tentado fazer estes dias, promover cada vez mais minhas músicas. A melhor parte disto tudo é que o Brasil não é um país em que as pessoas falem muito o inglês, mas me sinto tão conectado com os brasileiros que acredito que posso fazer músicas e turnês em inglês que todos entenderão o que estou querendo expressar.

Você está pensando em fazer algo diferente nesta tour? Cenário, figurino?
Sim, tenho um planejamento do caminho que vou seguir para esta tour. Para Orbital esperem e vejam o que irei vestir, vocês não vão acreditar ahahah!

Os fãs querem saber sobre o album CHEAP THRILLS . Você lançará na Orbital? Alguma colaboração importante no CD?
Acho, se tudo der certo, que teremos um pequeno presente para todos na Orbital, mas vocês terão que esperar para ver. Se você esteve em algum show de Eskimo recentemente, provável que tenha idéia de como anda o álbum. E se gosta dos shows, então gostará do álbum também.

    Leia tudo sobre: eskimoorbital

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG