Billy Joel cancela publicação de suas memórias

Cantor justifica dizendo que não "quer falar do passado"

EFE |

O cantor Billy Joel decidiu cancelar a publicação do livro com suas memórias, "The Book of Joel", previsto para ser lançado em junho, nos Estados Unidos. O motivo? Porque ele se deu conta que não quer falar de seu passado.

"Tive que passar por esse trabalho de escrever o livro para me dar conta e ver que não estou interessado em falar do passado", disse Billy Joel nesta quinta-feira. Nessas memórias, estava previsto que o ganhador de seis Grammy narrasse como viveu seu salto à fama com "Piano Man" (1973), a canção que inspiraria seu apelido no mundo da música, e os sucessos que lhe trouxeram temas como "New York State of Mind" (1976) e "Just the Way You Are" (1977).

O cantor e compositor americano tinha a tarefa de descrever as "alegrias e cargas" que supõe ser uma "superestrela" nessa autobiografia, que estava prevista que tivesse quase 400 páginas.

    Leia tudo sobre: Billy Joel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG