Chaka Khan, Oumou Sangare, Jorge Ben Jor e Caetano Veloso são as estrelas da noite de sábado (27)

Chaka Khan empolgou o público alternando baladas e músicas dançantes
Claudia Dantas
Chaka Khan empolgou o público alternando baladas e músicas dançantes
Apesar da desistência de Prince , que cancelou sua participação três dias antes do evento, o segundo dia do festival Back2Black , na Estação Leopoldina, Centro do Rio de Janeiro, foi marcado pela animação do público que compareceu em peso. Às 21h45 de sábado (27), a cantora malinesa Oumou Sangare abriu a noite no palco principal Estação Oi. Acompanhada de sua banda, ela entoou canções como “Kaini Woula”, “Kounadya” e “Djaraby Nene” e, apesar da barreira da língua, conseguiu fazer com que a platéia não só dançasse como cantasse o refrão de suas músicas.

“Estou arrasada por não falar português e, tampouco, falo bem o inglês, mas estamos muito felizes de estar aqui”, disse ela, numa mistura de inglês e francês. Até então uma desconhecida para a maior parte do público, Oumou usou de seu carisma e do ritmo dançante de suas músicas para interagir. “Essa canção é muito importante para mim e gostaria que vocês cantassem comigo. É sobre casamento a força”, explicou Oumou, mostrando uma de suas marcas registradas: a luta contra casamentos arranjados especialmente entre crianças.

Após a apresentação da cantora malinesa, às 23h, Jards Macalé e Qinho tomaram conta da cena no palco Compacto Petrobras. A apresentação da dupla serviu para aquecer ainda mais o público para a grande atração da noite, a cantora americana Chaka Khan, que se apresentou no palco principal.

"Garota má"

O show começou às 23h30 e teve 1h10 de duração. Chaka Khan abriu a apresentação fazendo referência à igualdade racial. “Estamos aqui por uma causa maravilhosa. Somos todos irmãos e irmãs”, afirmou ela, que cantou diversos hits como “ I Feel For You ” e “ Tell Me Something Good ”. “Essa é minha música favorita”, avisou Khan, antes de apresentar “ My Funny Valentine ”. Em transe, o público fez coro durante quase todas as letras cantadas por ela, que não economizou nos agudos. Bem-humorada, a cantora brincou com a potência de sua voz. “Muito bom, hein?”, disse Khan, enquanto interpretava “ Everlasting Love ”.

Antes de cantar “ Angel ” ela relembrou a época em que compôs essa música, há sete anos atrás, e estava “muito doida”. “Mas não fico mais assim”, comentou. Sob a luz de isqueiros acesos por parte da plateia, ela também contou que “era uma garota má” porque “pegava a estrada”, ficava fora por duas semanas e deixava as duas filhas com a mãe. “Elas me ligavam, mas eu nunca atendia”, completou. Khan encerrou a apresentação às 0h40 com “ I´m Every Woman ” levando o público ao delírio.

Zeca e Caetano Veloso assistem a apresentação de Moreno Veloso
Claudia Dantas
Zeca e Caetano Veloso assistem a apresentação de Moreno Veloso

No outro palco, Moreno Veloso e Domenico começavam sua apresentação com direito a Caetano Veloso na plateia. Discreto, o cantor e pai de Moreno se misturou ao público e conseguiu assistir ao show do filho até o final sem ser incomodado. Apesar da discrição, Caetano era dos mais empolgados: cantou todas as letras e dançou com um grupo de amigos a maior parte do tempo. “Adorei. O lugar é lindo e tudo está muito bem organizado. Gostei do show que assisti dos africanos, depois vim aqui ver o Qinho, voltei para o palco principal para ver a Chaka Khan, e aí vim ver o Moreno com o Domenico e o Pedro Miranda”, contou Caetano ao iG . “O som de lá não vaza para cá e nem o daqui para lá”, elogiou ele, se referindo aos dois palcos usados para os shows. E completou: “Fiquei feliz porque gostei muito do show e pude vir ver meu filho”.

Ao lado de Jorge Ben Jor, Caetano Veloso faz participação surpresa no festival
Claudia Dantas
Ao lado de Jorge Ben Jor, Caetano Veloso faz participação surpresa no festival
Dueto

Entretanto, essa não foi a única “surpresa” programada por Caetano. À 1h40 Jorge Ben Jor deu início ao último shows da noite no palco principal embalando o público com sucessos como “ Os Alquimistas Estão Chegando ”, “ Que Pena ”, “ Fio Maravilha ” e “ País Tropical ”. Na metade do espetáculo Caetano entrou no palco para espanto da plateia. O baiano fez uma reverência a Jorge Ben Jor antes de dividir os vocais com o cantor em “ Ive Brusse l”. Ben Jor também teve a companhia de Will Calhoun, baterista da banda dos anos 90 Living Color que se apresentara mais cedo com Oumou Sangare, em “ Ponta de Lança Africano ”.
Ben Jor encerrou a programação de shows às 3h30 com “ A Bando do Zé Pretinho ”. Em seguida, no palco Circo, os DJ´s Eduardo Christoph e Diogo Eeis (da Festa Moo) e Badenov (da Festa Combo) se apresentaram fechando a segunda noite do festival.

No domingo (28) os principais destaques do evento são Aloe Blacc e Seu Jorge. Acompanhe os shows ao vivo no Oi Acontece .

Jorge Ben Jor encerrou a segunda noite de shows do festival
Claudia Dantas
Jorge Ben Jor encerrou a segunda noite de shows do festival

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.