Amy Winehouse se preparava para adotar uma menina

Moradora de Santa Lucia, garota de dez anos revela a tablóide que já chamava a cantora de mãe

iG São Paulo |

De acordo com uma matéria publicada pelo jornal "The Sunday Mirror", a cantora Amy Winehouse, encontrada morta no sábado (23) em sua casa no bairro de Camdem Town, no norte de Londres, já havia iniciado o processo de adoção de uma garota de dez anos, moradora de Santa Lucia, no Caribe.

Reprodução
A cantora Amy Winehouse caminha com a jovem Dannika Augustine na ilha caribenha de Santa Lúcia
Amy teria conhecido a jovem Dannika Augustine durante o período em que passou na ilha caribenha. De acordo com a avó da menina, Marjorie Lambert, um advogado já havia sido contratado para supervisionar o processo de adoção, que contava com a aprovação dos pais da garota, Nadia Germaine e Vic Augustine, ambos desempregados e vivendo separados desde o nascimento da menina.

"Amy já foi minha mãe. Se ela não tivesse morrido eu a chamaria de mãe e ela me chamaria de filha. Ela cuidou de mim e nós nos divertimos juntas. Eu a amava e ela me amava", disse a jovem ao tabloide, revelando que caso não conseguisse levá-la para a Inglaterra, Amy prometeu mudar-se para Santa Lucia, onde seria sua mãe em tempo integral.

Marjorie, de 57 anos, que administra um bar próximo ao hotel onde Amy se hospedou, afirmou que a cantora queria muito ter uma filha. "Se ela não tivesse morrido, não há dúvida de que estaria aqui em Santa Lucia completando o processo de adoção."

A avó da menina disse ter conversado com Amy pelo telefone semanas antes de sua morte. Na ligação, a artista teria dito que voltaria para Santa Lucia no próximo mês. "Quando Amy chegou ao meu bar três anos atrás, ela estava fraca e magra. Eu insistia para ela comer e fiz o que pude para deixá-la feliz. Aqui ela estava livre das drogas. Nunca me preocupei em deixar Dannika com Amy."

Siga o iG Cultura no Twitter

Amy Winehouse, 27 anos, foi encontrada morta no sábado (23) em sua casa no bairro de Camdem Town, no norte de Londres. A autópsia feita em seu corpo não revelou a causa da morte , e a polícia espera novos exames toxicológicos para entre duas e quatro semanas.

Na terça-feira (26), familiares e amigos se despediram de Amy em um funeral no norte de Londres. Na quarta-feira (27) Mark Ronson homenageou a cantora em um show em Londres . "Ela fez músicas brilhantes, mais do que farei em toda minha vida", disse. Na quinta-feira (28), familiares e amigos celebram a vida de Amy em seu bar de jazz favorito . Já nesta sexta-feira (dia 29), o pai da artista, Mitch, distribuiu roupas da filha a fãs que estavam na frente da casa da cantora.

Os fãs continuam prestando homenagens em frente à casa da cantora, inclusive cantando algumas de suas músicas de sucesso . O caminho das estações de metrô Camden Town e do overground Camden Road até a casa de Amy já está sinalizado, com plaquinhas indicando as direções. Milhares de fãs passam horas em frente ao local, que acumula flores, bilhetes e "oferendas" como garrafas de bebida e cigarros.

    Leia tudo sobre: amy winehousedannika augustine

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG